Tráfego total nas rodovias cresce 12,2% na semana finalizada em 30 de setembro, aponta CCR

Sem considerar a ViaSul e a ViaCosteira, o aumento total foi de 4,2% em comparação ao mesmo intervalo do ano passado

CCR divulgacao

Foto: CCR/Divulgação

Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

A CCR comunicou que o tráfego total nas rodovias administradas pela companhia apresentou um crescimento de 12,2% entre os dias 24 e 30 de setembro em relação ao mesmo período de 2020. Os veículos de passeio tiveram alta de 11,4% e os comerciais, de 12,8%.

Sem considerar a ViaSul e a ViaCosteira, o aumento total foi de 4,2% em comparação ao mesmo intervalo do ano passado. Neste caso, os carros de passeio reportaram avanço de 5,2% e os comerciais subiram 3,6%.

Enquanto isso, no acumulado de janeiro a setembro de 2021, a empresa de concessão de rodovias reportou alta de 15,9% frente aos nove primeiros meses do ano passado.

De acordo com a CCR, os veículos classificados como “passeio” registraram crescimento de 17,2%, já os carros do segmento “comercial” avançaram 15%.

Leia também:   Cade nega aquisição da Plamed pela Hapvida (HAPV3)

Sem a ViaSul e a ViaCosteira, o total acumulado do ano atingiu o patamar de 10,2% – sendo que os carros de passeio subiram 12,9% e os comerciais, 8,5%, utilizando a mesma base comparativa.

Já na InfraSP, que abrange outras rodovias que não são de capital aberto, a companhia apresentou expansão de 2,6% na semana de 24 a 30 de setembro. Nos primeiros nove meses, essa modalidade avançou 9,7% em relação ao mesmo período de 2020.

Na concessão Mobilidade, houve alta de 29% na base semanal e de 0,3% no acumulado do ano.

A unidade Aeroportos, por sua vez, registrou crescimento de 216,1% e de 34,3% no comparativo da semana e no acumulado de janeiro a setembro deste ano, respectivamente.

Leia também:   Acionistas da Alliar (AALR3) aceitam proposta de aquisição da MAM Asset; cada ação será vendida a R$ 20,50

Por volta das 12h50, os papéis da CCR (CCRO3) recuavam 4,71%, a R$ 11,34, em dia marcado por queda do Ibovespa, o principal índice da B3. Em um ano, as ações caem por volta de 10%.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais

Não vá ainda...

Baixe o nosso App!

O maior hub do mercado financeiro
na palma da sua mão!

Popup out planos