BNDES destina até 20% dos papéis da Petrobras a pessoas físicas

BNDES vende participação da Petrobras, foto de Reuters

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou na semana passada que venderá sua participação na Petrobras, em uma oferta que pode movimentar mais de R$ 23 bilhões. A venda ocorrerá na B3, a Bolsa de Valores de São Paulo, e na NYSE, Bolsa de Nova York.

Leia também: BNDES venderá participação da Petrobras

A petrolífera afirmou ao jornal O Estado de S. Paulo que pelo menos entre 10% e no máximo 20% dos ativos serão destinados a investidores de varejo.

As negociações das ações brasileiras no mercado secundário têm início marcado para o dia 7 de fevereiro, com data de liquidação no dia 10.

“Essas grandes ofertas fazem diferença para investidores institucionais. Nesse caso, eles têm a oportunidade de comprar uma grande quantidade de ações de uma só vez”, disse o coordenador do laboratório de finanças do Insper, Michel Viriato. Para ele, a decisão de compra do investidor pessoa física não deve estar ancorada simplesmente na oferta do BNDES.

De acordo com Viriato, a destinação de 10% a 20% dos ativos para o varejo acontece devido raramente os investidores comuns comprarem um número superior de ações.

Foto: Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp