Recuperação da economia global depende de vacinas e reformas, diz presidente do Banco Mundial

No relatório Global Economic Prospects, a instituição revisou as expectativas de crescimento da economia mundial em 2021 de 4,2% para 4%

Economia Unsplash

O presidente do Banco Mundial, David Malpass, afirmou nesta terça-feira, 5, que a recuperação da economia global está diretamente associada à aplicação generalizada de vacinas contra a Covid-19, além de reformas que possam garantir o crescimento de países de forma mais dependente de dívidas públicas.

No relatório Global Economic Prospects, a instituição revisou as expectativas de crescimento da economia mundial em 2021, passando de 4,2% na última leitura para 4%.

Enquanto isso, a perspectiva de queda do Produto Interno Bruto (PIB) global de 2020 foi reduzida de 5,2% para 4,3%.

Em nota, Malpass ressalta que os países devem criar reformas estruturais que atraiam investimentos, melhorem o ambiente de negócios e aumentem a flexibilidade do mercado de trabalho. Dessa forma, segundo ele, será possível garantir a recuperação da economia mundial e estabelecer as bases para um crescimento robusto durante os próximos anos.

Para o Banco Mundial, os governos precisam continuar a apoiar a recuperação da economia e, aos poucos, substituir políticas de apoio à renda por medidas que promovam a expansão do PIB global.

Foto: Unsplash

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp

Assine a nossa Newsletter!