Pedidos de seguro-desemprego nos EUA somam 860 mil

USA, foto de Reuters

Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego nos Estados Unidos somaram 860 mil na semana passada, o que representa uma queda de 33 mil solicitações em relação à semana imediatamente anterior. As informações foram divulgadas nesta quinta-feira, 17, pelo Departamento do Trabalho norte-americano.

Com isso, o resultado veio um pouco acima do esperado pelos economistas consultados pela Bloomberg, que projetavam para 850 mil solicitações ao benefício durante o período reportado.

Na semana anterior, foram registrados 884 mil pedidos de seguro-desemprego na maior economia do mundo. Contudo, mesmo com a queda, o montante segue acima dos níveis anteriores à pandemia de covid-19.

Vale lembrar que, antes do colapso do mercado de trabalho americano em março, quando houve mais de 6 milhões de pedidos ao auxílio em uma única semana, o recorde de solicitações semanais do seguro-desemprego nos EUA era de 695 mil, em 1982.

Já o número de pedidos contínuos, ou seja, aqueles que incluem pessoas que estão recebendo o benefício há ao menos duas semanas, caiu 916 mil, para 12,6 milhões.

Foto: Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp