Japão revisa PIB do 2º trimestre para cima

Entre abril e junho, o PIB do país cresceu 1,9%, após revisão. Economistas estimavam crescimento de 1,6%, e a expectativa inicial era de 1,3%

Foto: Unsplash

Logo Trademap

Por:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Por:


O crescimento da economia japonesa foi maior do que estimado inicialmente no segundo trimestre deste ano, devido aos gastos sólidos de capital, apesar dos efeitos do agravamento da Covid-19 no país, que prejudica o consumo do setor de serviços e afeta as perspectivas econômicas.

Entre abril e junho de 2021, o Produto Interno Bruto (PIB) do Japão cresceu a uma taxa anualizada de 1,9%, após revisão. Economistas estimavam crescimento de 1,6%, e a expectativa inicial de expansão era de 1,3%.





O PIB do segundo trimestre deste ano registrou crescimento de 0,5% sobre o intervalo de janeiro a março, em termos ajudados aos preços, contra leitura inicial de 0,3% e expectativa de 0,4%.

Leia também:   EUA: Câmara dos Deputados aprova aumento do teto de dívida em US$ 480 bilhões para evitar calote

O componente de gastos de capital do PIB cresceu 2,3% no período em análise frente o primeiro trimestre de 2021, diante de expectativa de 2,0% e preliminar de 1,7%.

A revisão para cima é justificada pelos gastos empresariais melhores do que as estimativas iniciais, já que a recuperação econômica global foi rápida e impulsionou os gastos de capital e produção industrial, mais do que compensando a atividade reduzida no setor de serviços.

Mais da metade do PIB do país corresponde ao consumo privado, que cresceu 0,9% no último trimestre sobre os três meses anteriores. A estimativa preliminar de ganho era de 0,8%.

As exportações líquidas reduziram 0,3 ponto percentual do crescimento da economia japonesa. Em contrapartida, a demanda doméstica contribuiu com 0,8 ponto percentual nos valores revisados.





Leia também:   PIB dos EUA cresce 6,7% no 2º trimestre; pedidos de seguro-desemprego avançam acima do esperado

Vale destacar que a recuperação da economia do Japão continua fragilizada por influência das restrições necessárias devido à pandemia, que prejudicam as atividades do setor privado, além da lentidão na vacinação contra Covid-19.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais