Navegue:
Petrobras, bandeira verde e o que mais você precisa saber para investir bem hoje

Petrobras, bandeira verde e o que mais você precisa saber para investir bem hoje

Investidores ainda repercutem repercussão das atas do BCE e do Fed

petrobraslogo

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

Após dias de indefinição, o Ministério de Minas e Energia finalmente decidiu na noite desta quarta (6) pela indicação do nome de José Mauro Ferreira Coelho para a presidência da Petrobras. Também apontou Marcio Andrade Weber para presidir o conselho da estatal.

A polêmica causada pelos nomes anteriores para o comando da companhia, de Adriano Pires e Rodolfo Landim, que tinham óbvios conflitos de interesse para assumir os cargos, o governo optou por uma “solução caseira”. Ou seja, nomes técnicos e que já integram a administração pública.

Coelho é ex-diretor da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), uma autarquia vinculada ao MME, e Weber já faz parte do conselho da Petrobras. Ambos são nomes que devem ser bem vistos pelo mercado, e a expectativa é de redução da volatilidade dos papeis da empresa nos próximos dias.

Saiba mais:
Governo indica ex-diretor da EPE para a presidência da Petrobras (PETR4)

Bandeira verde

Também na noite de ontem, o presidente Jair Bolsonaro anunciou que a taxa extra cobrada na conta de luz para compensar a crise hídrica deixará de ser cobrada a partir do próximo dia 16.

A bandeira verde, sem cobrança adicional aos consumidores, é uma boa notícia para a inflação, que vem disparando por causa da pandemia e da guerra entre Rússia e Ucrânia.

A bandeira de escassez hídrica foi criada para compensar o aumento do custo de geração por conta da grave crise hídrica que o país enfrentou, que obrigou o acionamento de termelétricas, mais caras e mais poluentes.

Mercados internacionais

Os mercados ainda continuam repercutindo a ata do Fomc (comitê de política monetária do Federal Reserve), divulgada ontem. O documento confirmou a intenção do colegiado de apertar o ritmo de aumentos nos juros americanos.

Além disso, o Fed apontou que discute reduzir o balanço patrimonial da instituição através da venda de títulos em um ritmo de até US$ 95 bilhões por mês, retirando liquidez dos mercados e refreando o ritmo da atividade econômica.

Leia mais:
Balanço do Fed deve ser reduzido em até US$ 95 bi por mês, retirando liquidez dos mercados

Nesta quinta, será divulgada a ata da última reunião do BCE (Banco Central Europeu), que deverá apontar como a autoridade monetária está vendo os impactos sobre a inflação do conflito entre Rússia e Ucrânia.

Por volta das 8h, os índices futuros americanos subiam: o Dow Jones estava em alta de 0,06, o S&P 500 subia 0,25% e o Nasdaq tinha alta de 0,45%. O Euro Stoxx 50 operava em alta de 0,79%.

Compartilhe:

Compartilhe: