Navegue:
Bolsa cai 0,70% e perde os 100 mil pontos, de olho no exterior, que aguarda a decisão do Fed

Bolsa cai 0,70% e perde os 100 mil pontos, de olho no exterior, que aguarda a decisão do Fed

Qualicorp recuava após o banco Citi divulgar um relatório deixando de recomendar a compra do papel e rebaixando o preço-alvo

Gráfico de ações em queda

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

Após uma abertura em alta impulsionada por ações de petrolíferas, o Ibovespa virou para o negativo na esteira do mau-humor das bolsas nos Estados Unidos. Por volta das 13h25 o principal índice da Bolsa brasileira operava em queda de 0,70%, aos 99.549 pontos.

Na ponta negativa do índice, destaque para as empresas de varejo e consumo, com Qualicorp (QUAL3) caindo 8%, liderando as perdas do Ibovespa, após o Citi ter deixado de recomendar a compra do papel e cortar o preço-alvo de R$ 15 para R$ 9 ao final de 2022.

Em relatório publicado no Pipeline, site de finanças do jornal Valor Econômico, os analistas da instituição financeira avaliam que a Qualicorp deve continuar a apresentar tendências operacionais fracas no futuro. Além disso, existe uma a expectativa de que as operadoras de planos continuem com a sinistralidade pressionada.

Na sequência das baixas, aparece Hapvida (HAPV3), que caía 7,07%, a Via (VIIA3), com perda de 5,16%, o Magalu (MGLU3), que recuava 5% e o GPA (PCAR3), que operava em queda de 3,88%.

A queda em bloco das Bolsas americanas pesam sobre o Ibovespa, já que todo mundo aguarda a nova decisão de política monetária do Federal Reserve (Fed, o banco central americano) nesta quarta-feira (27). João Negrão, assessor de investimentos da SVN, lembra que o consenso do mercado é de uma alta de 0,75 ponto percentual.

Além disso, Negrão vê os investidores atentos à continuidade da temporada de balanços do segundo trimestre por aqui, com destaque para Petrobras (PETR4; PETR3), Vale (VALE3), Ambev (ABEV3) e Suzano (SUZB3) que divulgarão os números ao longo da semana. Para o assessor de investimentos da SVN, até a divulgação dos resultados, os papéis podem se comportar com volatilidade.

Leia também: 

Balanços de Petrobras (PETR4) e Vale (VALE3) são destaques na agenda de resultados desta semana

Dentre essas companhias, a Vale, que negocia sozinha quase 16% de todos papéis da B3, recuava 1% e ajudava a pressionar o índice.

Altas da Bolsa

Na ponta positiva do Ibovespa, JBS (JBSS3) avançava 2,15%, Marfrig (MRFG3) ganhava 1,62% e Equatorial Energia (EQTL3) subia 1,20%, diante da expectativa de bons resultados no segundo trimestre.

Na sequência, a BB Seguridade (BBSE3) subia 1,14% após divulgar a prévia operacional. No documento divulgado na noite de segunda-feira (25), os prêmios emitidos, ou seja, o faturamento das seguradoras com o que os clientes pagam mensalmente, cresceram 42% em junho ante igual mês do ano passado, enquanto os custos com sinistros caíram 35%.

Os analistas do BTG Pactual que acompanham o setor de seguros, Eduardo Rosman, Thiago Paura e Ricardo Buchpiguel, afirmaram em relatório que a BB Seguridade publicou uma dinâmica positiva para o mês e estimam que a companhia tenha tido, em junho, lucro líquido de R$ 438 milhões, alta de 118% em relação a igual período de 2021.

Além desses papéis, algumas ações ligadas ao petróleo, que ajudaram a performance positiva do Ibovespa no início do pregão, subiam. Petrobras via seu papel preferencial ganhar 0,42% e o ordinário subir 0,82%, por exemplo.

Exterior em baixa

Além da expectativa pelo Fed, os mercados americanos repercutem o balanço financeiro divulgado pelo Wallmart na noite de segunda. A rede varejista divulgou cortes em suas projeções de lucros, o que traz preocupações acerca da alta da inflação no país e queda do consumo americano.

A rede de varejo disse que os clientes estão comprando mais comida do que outros itens, o que está afetando as margens de lucro. “A inflação dos alimentos está em dois dígitos, e maior que no final do primeiro trimestre. Isto está afetando a capacidade dos nossos investidores de gastar em itens gerais e exigindo mais descontos para rodar o estoque, em particular o de vestuário”, disse a companhia.

A avaliação do Walmart reforça a percepção de que a inflação elevada nos EUA está minando a capacidade de consumo dos americanos – o que pode prejudicar os resultados das companhias e, em última instância, contribuir para uma recessão no país.

Por lá, após o fechamento do mercado, serão divulgados ainda os resultados do segundo trimestre da dona do Google, a Alphabet (GOGL34), e da Microsoft (MSFT34).

Veja o desempenho dos principais índices americanos e europeus:

Índice Localidade Performance
Dow Jones EUA -0,58%
S&P 500 EUA -1,10%
Nasdaq EUA -1,74%
Euro Stoxx 50 Zona do Euro -0,01%
DAX Alemanha -0,80%
FTSE 100 Reino Unido +0,06%

 

Compartilhe:

Compartilhe: