Navegue:
Bluefit define faixa indicativa em IPO e poderá movimentar R$ 450 milhões

Bluefit define faixa indicativa em IPO e poderá movimentar R$ 450 milhões

A faixa estabelecida pelos coordenadores será entre R$ 12,25 e R$ 15,25

bluefit - divulgação

Foto: Bluefit/Divulgação

Por:

Compartilhe:

Por:

Bluefit definiu na última sexta-feira, 03, a faixa indicativa de preço de sua oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) entre R$ 12,25 e R$ 15,25. 

Desse modo, a operação pode levantar R$ 450,1 milhões, considerando o ponto médio da faixa, de R$ 13,75, e a venda de 39 milhões de ações na oferta base.  

De acordo com o prospecto enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), o IPO contará com a distribuição primária, quando os recursos levantados vão direto para o caixa da empresa, e secundária, quando atuais acionistas vendem parte ou a totalidade de suas fatias.  

Ainda existe a possibilidade de a oferta ser acrescida de um lote adicional de até 20% do total inicialmente ofertado, em 6.546.645 papéis, e um lote suplementar de 15% do total, em 4.909.983 ativos.  

Além disso, no exterior, serão realizados esforços de colocação dos ativos pela XP Investments US. 

Nos Estados Unidos, será exclusivamente para investidores institucionais qualificados, residentes e domiciliados no país.   

Já nos demais países, será para investidores estrangeiros que sejam considerados não residentes ou domiciliados nos EUA. 

Os recursos provenientes da tranche primária serão destinados para:  

  • Crescimento orgânico por meio da abertura de novas filiais pelo Brasil (55,6%); 
  • Aquisição de novas franquias e/ou participações em SCPs e subsidiárias (44,4%). 

O início do período de reserva será no dia 13 de setembro e terminará no dia 23 do mesmo mês. 

fixação do preço está prevista para acontecer no dia 24 de setembro, após o encerramento do procedimento de bookbuilding.   

estreia das ações no Novo Mercado da B3 deve acontecer dia 28 de setembro, negociadas sob o ticker BFFT3.  

A oferta tem a XP como único coordenador.  

Sobre a Bluefit 

Fundada em maio de 2015, sob a marca Health Place, a companhia acredita ser a segunda maior rede de academias do país com 102 unidades em operação (61 próprias e 41 franquias) e 33 unidades com contratos assinados. 

Com base em dados de 30 de junho deste ano, a Bluefit possui mais de 201 mil clientes ativos em 15 estados, além de Distrito Federal. 

No ano passado, a empresa obteve uma queda de 45% em sua receita líquida, para R$ 64 milhões. Ela associa o desempenho à crise sanitária no Brasil em decorrência da pandemia do novo coronavírus. 

Contudo, antes mesmo da pandemia, a rede já havia registrado prejuízo de R$ 670 mil em 2019. Esse número passou para mais de R$ 30 milhões em 2020, de acordo com as demonstrações financeiras no documento enviado à CVM. 

Lâmina de IPO 

Agora você pode analisar todos os IPOs em andamento na CVM direto pelo TradeMap! 

Acesse nosso portal, clique no Módulo de Ações e, em seguida, selecione a aba “IPOs”, que fica na barra superior central da tela. 

Por lá, você conseguirá acompanhar todas as atividades relacionadas à oferta pública inicial, como valor da operação, faixa estimada pelos coordenadores, cronograma do IPO e muito mais! 

O que é bookbuilding e para que serve? 

De um modo resumido, o bookbuilding é o processo utilizado para definir um preço justo para o IPO ou oferta subsequente de ações (follow on), que seja adequado à intenção de compra dos investidores. 

Por isso, durante o processo, os coordenadores da oferta estudam e avaliam a demanda de seus ativos no mercado. Assim, eles conseguirão estimar o preço que poderá praticar e a quantidade de ações ou títulos que poderão ser oferecidos. Veja mais detalhes aqui. 

Compartilhe: