Resultado da Vale (VALE3) deve melhorar com venda de operação de carvão

Operação também ajuda empresa a ser líder na mineração de baixo carbono

vale ações

Foto: Vale / Divulgação

Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

A venda da mina de carvão da Vale (VALE3) em Moçambique fez a companhia avançar em seu plano de desinvestimentos e em seu objetivo de ser líder na mineração de baixo carbono. De quebra, também vai melhorar os resultados financeiros daqui para frente.

A Vale vendeu a mina de carvão Moatize e os 912 quilômetros de ferrovia do corredor logístico Nacala, por onde o carvão era transportado até o mar, para a Vulcan Minerals por US$ 270 milhões. O acordo prevê também que a companhia receba royalties por 10 anos a depender de certas condições de produção da mina e do preço do carvão. A operação requer aprovação do Ministério de Recursos Minerais e Energia de Moçambique e do governo do país.

A venda de carvão representa pouco para a Vale em termos de receita – no terceiro trimestre, menos de 2,5% do faturamento veio deste tipo de negócio. A empresa vinha sinalizando há meses ao mercado intenção de se desfazer destes ativos, e em outubro zerou o valor deles no balanço, afirmando que estava perto de vendê-los, mas que não sabia por quanto e em que condições.

Antes da zeragem, a Vale atribuía um valor de US$ 2,3 bilhões à operação em Moçambique. O número refletia o valor presente do plano de negócios que a empresa havia montado. Este prejuízo contábil será quase inteiramente revertido por um ganho de US$ 1,9 bilhão, nas contas da companhia, uma vez que a venda tenha sido concluída.

A venda da mina de carvão também elimina os impactos que ela exercia sobre o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (EBITDA) por meio de serviço da dívida, investimento na manutenção das operações e outros encargos. Em 2020, o efeito deles sobre os resultados da Vale foi negativo em US$ 300 milhões.

Ressaltamos que esse movimento é bastante positivo para a Vale, uma vez que o acordo representa mais um passo para o desinvestimento responsável no negócio de carvão, com a simplificação da governança e melhor gestão de seus ativos.

As ações da companhia (VALE3) subiam 2,07%, cotadas a R$ 79,90, por volta das 13h46. Em 12 meses os papéis da companhia estão com ganhos de 8,1%.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Rolar para o topo

Não perca essa oportunidade!

Baixe o nosso App!

O maior hub do mercado financeiro
na palma da sua mão!

Curso grátis que te ensina de forma simples sobre o mercado futuro

Banner share midias site curso winfut clear trademap

Cadastre-se agora no curso que vai te ensinar tudo sobre mercado futuro!

Banner share midias site curso winfut clear trademap