Navegue:
Vale (VALE3) cumpre promessa e vende operação de carvão em Moçambique

Vale (VALE3) cumpre promessa e vende operação de carvão em Moçambique

Empresa havia sinalizado em outubro que iria se desfazer dos ativos

Foto de placa da Vale, com foco no logo para matéria da Ibiuna
Por:

Compartilhe:

Por:

A Vale fechou acordo para vender suas operações de carvão em Moçambique, cumprindo a promessa que havia feito aos investidores e se desfazendo de um ativo que estava operando abaixo dos níveis previstos no plano de negócios da companhia.

A mina de carvão de Moatize e o corredor logístico Nacala, que liga Moçambique ao mar, serão vendidos para a Vulcan Minerals por US$ 270 milhões. A operação precisará ser aprovada pelo governo de Moçambique, e o pagamento será parcelado: US$ 80 milhões na conclusão da transação, US$ 190 milhões do negócio existente até a conclusão, mais um acordo de royalties de 10 anos que depende das condições de produção da mina e dos preços do carvão.

O anúncio veio em linha com o que a Vale havia sinalizado no final de outubro, quando divulgou os resultados do terceiro trimestre. Na ocasião, o vice-presidente de Finanças da companhia, Luciano Siani, disse que as operações de carvão em Moçambique ainda estavam rodando com produção inferior a 12 milhões de toneladas por ano, que era o nível necessário para cobrir os custos do negócio.

Segundo ele, diante disso, a Vale tinha duas opções. A primeira era ficar com o ativo por até dois anos para tentar elevar a produção – o que estaria fora da estratégia da empresa de focar na produção de minério de ferro. A segunda era vender. Antes disso, porém, a empresa reduziu o valor dos ativos de carvão em quase US$ 2 bilhões – algo que os investidores questionaram.

Siani disse que a Vale fez isso para facilitar a venda da operação e que o acordo levaria em conta o potencial da mina de carvão. “Uma boa parte do preço que a gente espera obter na venda vai ser um preço contingente, um preço contingente a preço e um preço contingente a volume”, disse ele na época.

Por volta das 10h40, as ações da Vale subiam 1,33%, a R$ 79,32.

Compartilhe:

Tags:

Compartilhe: