Presidente do Fed diz que recuperação dos EUA depende de vacinas e estímulos fiscais

Jerome Powell também declarou que o Fed segue comprometido com política monetária atual até quando for necessário

Logo Trademap

Por:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Por:

Na tarde desta quinta-feira (8) o presidente do Federal Reserve (Fed), Jerome Powell, participou de um debate realizado online pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) e se pronunciou sobre detalhes da ata do Comitê divulgada ontem (7). 

Powell reiterou a posição de que a economia dos Estados Unidos está se recuperando, porém afirmou que o processo está sendo desequilibrado e incompleto.





“A recuperação nos EUA ocorre de forma desigual. Há ainda 8,5 milhões de desempregados e a taxa de desemprego está perto de 20% para pessoas no quartil de menor renda”, destacou.

Segundo o presidente do Fed, o banco central irá manter o suporte dado ao país enquanto ele for necessário.

A política monetária de juros próximos de zero e meta da inflação em 2% foi reafirmada, assim como o apoio aos estímulos fiscais que estão sendo concedidos pelo governo Biden.

Leia também:   B3 lança 5 BDRs de ETFs em parceria com a BlackRock

De acordo com Powell, somente com medidas como essas e com o avanço da vacinação nos Estados Unidos, a recuperação econômica no país poderá acontecer de forma mais rápida. “[O coronavírus] não respeita fronteiras e não estaremos protegidos enquanto todo o mundo não estiver vacinado.”

Outro ponto que foi abordado na ata do Fed e que o presidente confimou em discurso foi a manutenção da compra de ativos dentro dos números atuais.





“Precisamos ver progresso real nas metas do Fed para reduzir a compra de ativos”, comentou Powell em referência ao valor apresentado no documento, de US$ 120 bilhões por mês.

Preocupação social

Um dos destaques na fala do presidente do Fed foi a preocupação com os trabalhadores de baixa renda, que são os mais atingidos pela pandemia.

Leia também:   Vendas no varejo dos EUA sobem 0,7% em setembro, aponta Departamento do Comércio

Segundo ele, esses profissionais encontrarão dificuldades para se reinserir no mercado de trabalho devido aos novos processos de digitalização das empresas durante o período de crise.

Por isso, em sua conclusão, Powell reforçou a ideia de investimentos de londo prazo nos Estados Unidos, que impulsionam a economia de forma mais consistente.

Declarou apoio ao plano de infraestrutura do governo Biden, que prevê mais US$ 2 trilhões em estímulos nos próximos oito anos e está em análise do Congresso.

Foto: Wikipedia Commons

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais

TradeMap + B3 apresenta! 🤩

Banner Curso Small Caps TradeMap Educa B3 compac