BTG Pactual (BPAC11) enfrenta novas acusações na Lava Jato

Equipe TradeMap

Equipe TradeMap

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Atualização – 27 de agosto de 2019

De acordo com o portal O Antagonista, uma fonte ligada ao BTG Pactual (BPAC11), de André Esteves, disse à Polícia Federal que o banco teria um “Departamento de Operações Estruturadas” dedicado à lavagem de dinheiro. Esse informante prestou vários depoimentos à 64ª Operação Lava-Jato.

A notícia relata que o setor “tinha como objetivo criar ferramentas e procedimentos que permitissem tanto ao próprio banco como a clientes específicos a manipulação artificial do resultado financeiro de entidades [pessoas] jurídicas”. Alguns mecanismos teriam como finalidade ocultar recursos relacionados à lavagem de dinheiro, como swaps de balcão não registrados na Cetip.





26 de agosto de 2019

Na sexta-feira passada, o BTG Pactual (BPAC11) em conjunto com a ex-presidente da Petrobras, Graças Foster, foram alvos da 64ª fase da Lava-Jato. A Polícia Federal detinha 12 mandados de busca e apreensão, entre eles André Esteves – ex-presidente do banco –, em delação de Antonio Palocci. Você pode ler mais clicando aqui.

Leia também:   Bolsas americanas abrem em leve alta nesta sexta-feira

De acordo com Palocci, Esteves teria acertado com Guido Mantega o repasse de 15 milhões de reais para garantir privilégios à companhia no projeto das sondas do pré-sal da Petrobras (PETR4).

No entanto, o BTG pretende obter o ressarcimento de investimentos de R$ 3 bilhões, como aponta a Coluna do Lauro Jardim, do O Globo. Esse valor seria destinado aos projetos de sondas da Sete Brasil em arbitragem contra a petroleira. A instituição bancária afirma que foi enganada.

Em contrapartida, a Petrobras defende não ser cabível qualquer indenização, uma vez que é vítima dos fatos apurados pela Operação Lava-Jato.

Na B3, as units do BTG estão despencando, chegando a atingir 29,81% negativo em relação ao último pregão. Acompanhe o mercado em tempo real com o TradeMap!

Papéis do BPAC11 no TradeMap

Tags:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp