Frigoríficos em destaque: ações de Minerva, BRF e companhia estão entre as maiores altas nesta sexta-feira

Por volta das 13h15, as ações da Minerva (BEEF3) subiam 3,91%, seguidas de perto pelos papéis da BRF (BRFS3), com alta de 2,17 %, da Marfrig (MRFG3), crescendo 1,12%, e da JBS (JBSS3), com avanço de 0,85%

carne bovina Agencia Brasil

Foto:

Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

Os grandes frigoríficos apresentam bom desempenho na Bolsa no pregão desta sexta-feira, 24.

Por volta das 13h15, as ações da Minerva (BEEF3) subiam 3,91%, seguidas de perto pelos papéis da BRF (BRFS3), com alta de 2,17 %, da Marfrig (MRFG3), com avanço de 1,12%, e da JBS (JBSS3), com valorização de 0,85%.

Em agosto, a Associação Brasileira de Frigoríficos (Abrafrigo) informou que o Brasil bateu recorde mensal nas exportações de carne bovina, com 211,8 mil toneladas, o que representou um aumento de 11% em relação ao mesmo período de 2020.

Segundo a analista Sandra Peres, o mercado tem mostrado empolgação com o setor, uma vez que a demanda por proteína animal continua a crescer, mesmo com a recente suspensão de exportações de carne bovina para a China.

Leia também:   Petrobras (PETR4) reforça que ainda não existe definição sobre venda de participação na Braskem (BRKM5)

A decisão foi imposta pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA) por conta de dois casos atípicos de encefalopatia espongiforme bovina (EEB), conhecida como doença da “vaca louca”, nos estados do Mato Grosso e de Minas Gerais.

Neste mês, a Arábia Saudita também suspendeu as importações de frigoríficos brasileiros em decorrência da doença.

Apesar dos reflexos negativos, as empresas do setor na bolsa não foram diretamente afetadas pelos anúncios, uma vez que recorreram a plantas de outros países para continuar vendendo a proteína, principalmente para China, Estados Unidos e Austrália

A analista aponta para a estimativa de que somente em cinco anos a China vai conseguir retomar seu patamar normal de produção de aves, bois e porcos, devido a problemas sanitários no país.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais

Não vá ainda...

Baixe o nosso App!

O maior hub do mercado financeiro
na palma da sua mão!

Popup out planos