Terça-feira de recuperação para bolsas mundiais

Por aqui a CPI da Covid-19 ouve o ex-ministro Ernesto Araújo e a Câmara vora a reforma administrativa.

Mulheres ainda são minoria na bolsa, foto de Nelson Almeida - AFP via Getty Images
Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

As bolsas europeias tentam uma recuperação nesta terça-feira, 18, após alguns indicadores divulgados ontem virem dentro do esperando e as medidas de distanciamento social diminuírem nos países do bloco.

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, tem defendido uma reabertura cautelosa no Reino Unido, alertando a população para ter cuidado com a nova variante do vírus originada na Índia. Até o momento, o país já vacinou mais de 50% da sua população.

Os futuros americanos também apontam para alta hoje. Isso porque o temor da inflação que acompanham os investidores por lá a dias está em segundo plano, no momento, a expectativa de uma recuperação econômica com o relaxamento do isolamento social está maior.

Entretanto, o mercado segue de olho na divulgação da Ata da última reunião do Fed, marcada para quarta-feira, 19, para maiores esclarecimentos sobre como a instituição enxerga os sinais recentes de alta da inflação.

Leia também:   Em véspera de feriado nos EUA, mercado global opera em baixa à espera de indicadores

As commodities dão sinais de alta no dia de hoje, com o petróleo Brent chegando a US$ 70 o barril, em vista das reaberturas nos países que aumentam a demanda pelo óleo.

Na agenda de indicadores, o dia reserva a divulgação do dado de construções de moradias em abril nos EUA e a fala de representantes dos Fed, Raphael Bostic e do Robert Kaplan.

Enquanto isso, as bolsas asiáticas fecharam o dia em alta, revertendo as quedas de ontem. Porém, houve divulgação de dados da economia do Japão que mostraram uma queda de 1,3% no PIB do primeiro trimestre. Na comparação anualizada, a atividade econômica japonesa registrou retração de 5,1% entre janeiro e março em comparação com o mesmo período do ano anterior.

Leia também:   Em dia de queda quase generalizada, Ibovespa recua 1,82%, aos 104.404 pontos

Cenário interno 

No Brasil, mais uma vez as projeções para o crescimento do PIB de 2021 foram elevadas pelo Banco Central. De uma expansão de 3,21% na semana passada, para uma alta de 3,45% na mediana das expectativas desta semana.

Já a inflação também teve sua perspectiva elevada, com o IPCA saindo de 5,06% para 5,15% em 2021, enquanto a taxa básica de juros, Selic, se manteve em 5,50% ao ano para 2021.

No campo político, a CPI da Covid-19 retoma seus trabalhos com o depoimento de dois ex-ministros, Ernesto Araújo, das Relações Exteriores, e Eduardo Pazuello, da Saúde.

Outros temas a serem acompanhados nesta terça-feira são a votação da reforma administrativa na CCJ da Câmara e o desenrolar sobre a privatização da Eletrobras.

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

BLACK

WEEK

tag
Horas
Min.
Seg.

Não vá ainda...
Olha só o que tá rolando!

Popup Banner Black Week 3 1