Pedidos semanais de auxílio-desemprego nos EUA somam 2,12 milhões

EUA, foto de Unsplash

O número de pedidos de auxílio-desemprego nos Estados Unidos atingiu a marca de 2,12 milhões na semana passada, estendendo a queda das solicitações, mas ainda assim muito acima do que antes da pandemia de covid-19.

O resultado saiu em linha com as expectativas dos economistas consultados pela Bloomberg, que esperavam 2,1 milhões de pedidos ao benefício.

Com isso, a contagem de pedidos de seguro-desemprego pelo Departamento do Trabalho dos EUA caiu em comparação com os 2,4 milhões na semana anterior. Contudo, o número está acima de 2 milhões desde que medidas de isolamento social foram impostas devido ao novo coronavírus.

Enquanto isso, o número de norte-americanos que já recebem os benefícios, também conhecidos como reivindicações contínuas, caiu para 21,1 milhões na semana encerrada em 16 de maio, o que representa 3,9 milhões de pessoas a menos sobre a semana anterior.

Foto: Unsplash