OMC vê recuperação no comércio, mas com desaceleração no fim de 2020

Segundo a OMC, seu barômetro para o comércio de bens subiu para 100,7 pontos, frente a um nível mínimo de 84,5 pontos registrado em agosto

OMC divulgação

A Organização Mundial do Comércio (OMC) informou nesta sexta-feira, 20, que o comércio mundial de bens mostrou recuperação no terceiro trimestre em relação aos lockdowns provocados pela pandemia de Covid-19. Contudo, a entidade prevê uma desaceleração no final deste ano.

Segundo a OMC, seu barômetro para o comércio de bens subiu para 100,7 pontos, frente a um nível mínimo de 84,5 pontos registrado em agosto. O número foi influenciado pelo aumento nas encomendas de exportação.

Vale destacar que uma leitura maior de 100 pontos indica crescimento acima do esperado.

“A leitura mais recente indica uma forte recuperação do comércio no terceiro trimestre, pois os lockdowns foram relaxados, mas é provável que o crescimento desacelere no quarto trimestre à medida que a demanda reprimida se esgota e o reabastecimento de estoque termina”, disse a OMC em seu relatório.

A entidade ainda ressalta que as perspectivas para o comércio são incertas, uma vez que há uma segunda onda de infecções pelo novo coronavírus levando a novos lockdowns na Europa e nos Estados Unidos. Dessa forma, pode ser que haja outra rodada de fechamento de empresas para conter o vírus.

Foto: OMC/Divulgação

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp