Notre Dame Intermédica compra Centro Clínico Gaúcho por R$ 1,06 bi

Com aprovação ainda sujeita ao CADE, a compra pode ampliar o market share do GNDI para 13,6% em Porto Alegre.

Notre Dame - Foto divulgação
Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

A Notre Dame Intermédica (GNDI3), operadora de planos de saúde, informou ao mercado na sexta-feira, 04, a compra do Centro Clínico Gaúcho por R$ 1,06 bilhão.

Com isso, a empresa afirmou em fato relevante que passará a deter um market share de, aproximadamente, 13,6% na região metropolitana de Porto Alegre. 

O valor será pago à vista, em dinheiro, com desconto do endividamento líquido e uma parcela retida para contingências. 

“Essa aquisição é mais uma demonstração da continuidade da estratégia de crescimento e de fortalecimento da rede própria, reforçando o compromisso com a criação de valor para seus acionistas, clientes e sociedade”, diz comunicado.

A transação ainda está sujeita à aprovação do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) para conclusão. 

Sobre o Centro Clínico Gaúcho 

Fundado em 1991 na cidade de Canoas (RS), o Centro Clínico Gaúcho é uma das principais operadoras que oferecem planos de saúde, planos dentais e serviços de saúde focados no Estado do Rio Grande do Sul.

Neste ano, inauguraram o Hospital Humaniza, localizado em Porto Alegre (RS), que conta com 110 leitos e potencial de expansão para um total de 220 leitos.

O Centro Clínico Gaúcho possui uma carteira de 175 mil beneficiários de planos de saúde (80% corporativos), além de 4,7 mil beneficiários de planos odontológicos.

A rede própria inclui 20 centros clínicos, 13 unidades de coleta de análises clínicas (“Laboratório Marques D’Almeida”) e o Hospital Humaniza, além de serviços aos beneficiários, como medicina preventiva, programa de assistência domiciliar e telemedicina 24 horas.

No ano passado, o faturamento líquido da empresa foi de R$371 milhões com sinistralidade caixa (Cash MLR) de 70,3%.

Leia também:   Hapvida (HAPV3) adquire 73% do Hospital Octaviano Neves, em BH, por R$ 134 milhões

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais

Não vá ainda...

Baixe o nosso App!

O maior hub do mercado financeiro
na palma da sua mão!

Popup out planos