Natura fará oferta global de ações de R$ 6,2 bilhões

Loja da Natura

O conselho de administração da Natura &Co aprovou a realização de uma oferta pública de distribuição primária de 121,4 milhões de papéis ordinários. O procedimento também será realizado no exterior, sob a forma de American Depositary Shares (ADS), representados por American Depositary Receipts (ADRs).

Se considerarmos a cotação do papel da companhia no fechamento do pregão de ontem, de R$ 51,13, o follow on poderá movimentar R$ 6.207.182.000,00. No entanto, o valor final vai depender do procedimento de bookbuilding, quando os coordenadores da oferta definem o preço por ativo, marcado para o dia 8 de outubro.

De acordo com o documento entregue à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Natura &Co informa que a emissão de novas ações tem como finalidade acelerar o crescimento da companhia ao longo dos próximos três anos, com a implementação da Agenda 2030.

Segundo a empresa, o programa visa moldar um futuro de forma mais sustentável e inclusiva, apoiando investimentos primariamente na integração e recuperação da Avon.

Os bancos coordenadores da oferta são Morgan Stanley, Bank of America, Bradesco BBI, Citi e Itaú BBA.

O que é bookbuilding?

De um modo resumido, o bookbuilding é o processo em que o coordenador da oferta estuda e avalia, em conjunto com os investidores, como seria a demanda de seus ativos no mercado.

Dessa forma, a empresa que pretende abrir capital ou fazer novas ofertas deve saber qual a intenção de compra dos acionistas e chegar a um preço razoável para o IPO ou novas ofertas (follow on). Leia mais.

Foto: Natura/Divulgação

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp