Lucro da AES Tietê cresce 236% no segundo trimestre, para R$ 119 milhões

AES Tietê alega que oferta da Eneva é hostil e busca assessores para avaliar negócio, foto de Reuters

A AES Tietê registrou um lucro líquido de R$ 119 milhões no segundo trimestre de 2020, avanço de 235,7% sobre igual período do ano passado.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi de R$ 275 milhões entre abril e junho deste ano, crescimento de 21,8% em relação ao segundo trimestre de 2019, quando apresentou R$ 226,2 milhões.

Contudo, a receita líquida da AES Tietê somou R$ 475,2 milhões no 2º trimestre, recuo de 2% na comparação anual.

“Nosso trimestre foi marcado pelo forte resultado operacional e financeiro e pela forte geração de caixa, refletindo nossa estratégia de crescimento do nosso portfólio 100% renovável e estratégia comercial e financeira acertadas”, disse em comunicado a diretora financeira da empresa, Clarissa Sadock.

No final de julho, a AES Corp, controladora norte-americana da companhia, adquiriu uma fatia do BNDESPar na empresa e passou a deter participação de 42,9% na AES Tietê.

Veja mais detalhes!

Pelo TradeMap Premium é possível analisar os dados financeiros e de mercado de qualquer companhia listada na bolsa de valores (incluindo ativos americanos).

Clique aqui e conheça nossos planos!

Foto: Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp