Grupo Soma prepara follow-on de R$ 1 bilhão, diz jornal

De acordo com o portal de notícias, o dinheiro já tem destino: pagar a compra da Cia Hering.

Equipe TradeMap

Equipe TradeMap

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

O Grupo Soma (SOMA3), detentor das marcas Farm e Animale, contratou bancos para coordenar uma oferta subsequente de ações (follow-on) de acordo com o portal de notícias Pipeline, do Valor Econômico. 

Aparentemente, o dinheiro já tem destino: o objetivo da marca é levantar entre R$ 800 milhões e R$ 1 bilhão para pagar parte da operação de compra da Hering (HGTX3)





Conforme negociações não concluídas em abril, a aquisição deve custar R$ 5,1 bilhões, a serem pagos na forma de ações e em dinheiro – cerca de R$ 1,5 bilhão. 

Os contratados pela companhia para coordenar a oferta são os bancos Santander, Itaú BBA, Bank of America, XP Investimentos e BTG Pactual.

Desde que anunciou a aquisição, em 26 de abril, os papéis do grupo Soma tiveram valorização de 17,66%. Já as ações da Hering subiram 54,98%

Além da Hering, recentemente o grupo comprou a marca esportiva Lauf. 

De acordo com documento de abril, o Grupo Soma pagará R$ 9,630957 à vista e 1,625107 ação ON para cada papel da Hering. As varejistas assumiram compromisso de exclusividade, cujo descumprimento prevê o pagamento de multa no valor de R$ 250 milhões.





Leia também:   Embraer convoca AGE para a eleição de dois novos membros para o Conselho

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp