img-tag

Como funciona o mecanismo de Circuit Breaker?

Equipe TradeMap
Equipe TradeMap
Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Você já ouviu falar no termo Circuit Breaker? Caso não saiba o que significa, essa ferramenta é utilizada para interromper todas as operações da bolsa de valores quando há uma queda generalizada dos ativos.

Bom, agora você deve estar questionando o motivo de tal movimento brusco, não? Acontece que a interrupção de todas as operações na bolsa por meio do Circuit Breaker serve, antes de mais nada, para proteger a oscilação excessiva do mercado financeiro.





Com a pausa, é esperado que ocorra um equilíbrio nas operações de compra e venda de ativos e, assim, evitar uma nova queda ainda mais agressiva.

Quando o Circuit Breaker é acionado aqui no Brasil?

Criado em 1997, as regras para acionar essa ferramenta na Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, são as seguintes:

  • Se o Índice Bovespa cair mais de 10% sobre o valor de fechamento do último pregão, então o Circuit Breaker é acionado. Isso quer dizer que as atividades serão interrompidas por 30 minutos
  • Após os 30 minutos de pausa, o Ibovespa é reaberto e, caso ainda haja queda e ultrapasse 15%, ocorrerá outra interrupção nas atividades, sendo neste caso por mais 1 hora
  • Passado 1 hora, o principal índice da bolsa reabre, mas se o Ibovespa caia 20%, a B3 definirá o prazo em que as negociações ficarão suspensas
  • As regras não valem nos últimos 30 minutos de funcionamento do pregão
Coronavírus no radar

Enquanto aqui no Brasil a B3 ficou fechada devido ao feriado de carnaval, as bolsas em outros locais do mundo tiveram grande queda no início desta semana. Por isso, investidores acreditam que o Ibovespa deverá abrir pressionado pelo recuo internacional.

O maior fundo de índice (ETF) brasileiro negociado em Nova York, o iShares MSCI Brazil (EWZ), fechou em queda de 1,41% no pregão de ontem (25). No acumulado de dois dias, o EWZ já soma perdas de 6,33%.

Enquanto isso, os recibos de ações brasileiras listados nas bolsas norte-americanas, conhecidos também como ADRs, sofreram queda brusca. Papéis como Petrobras, Vale e Itaú acumulam perdas.





Você pode acompanhar o EWZ e ADRs pelo TradeMap. Basta fazer o cadastro no Portal Web para ser um usuário Premium e, posteriormente, inseri-los em qualquer lista clicando em + no botão Ações

Vale lembrar que a bolsa abre às 13h nesta quarta-feira de cinzas. Veja o calendário completo clicando aqui.

Bolsonaro convoca ato

Na noite de ontem, o presidente Jair Bolsonaro disparou um vídeo em que convoca as pessoas para manifestações no dia 15 de março. O intuito do ato, segundo ele, é defender o governo e protestar contra o Congresso Nacional e o Supremo Tribunal Federal (STF).

Foto: Getty Images

Leia também:   Movida pagará R$ 510 milhões em dividendos

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais