Navegue:
Vale (VALE3) e siderúrgicas ampliam ganhos da véspera após minério de ferro subir quase 4%

Vale (VALE3) e siderúrgicas ampliam ganhos da véspera após minério de ferro subir quase 4%

Ações do setor já haviam subido na quarta-feira por conta da valorização da commodity metálica, mesmo num pregão marcado pelo mau humor

Escavadeira com minério de ferro

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

O setor de siderurgia e mineração é destaque entre as ações que mais sobem no pregão brasileiro nesta quinta-feira (7), amparado no avanço do preço do minério de ferro em Dalian, na China. O movimento de recuperação ocorre depois da forte queda recente, refletindo a guerra na Ucrânia, o aumento dos riscos de recessão global e a nova onda de Covid-19 no gigante asiático.

A China é o maior produtor de aço do mundo (com 50% de participação). Os lockdowns estabelecidos no país durante praticamente dois meses, devido à política de zero Covid, provocaram o desaquecimento da atividade que, por consequência, assolou o preço do aço, distorceu estoques e, de tabela, atingiu o preço do minério de ferro.

Todo esse pessimismo, contudo, parece ter ficado de lado nos últimos dias, pelo menos de forma momentânea, mesmo após a China fazer novas rodadas de testagem em massa de Covid em Xangai.

⇨ Quer acompanhar as cotações das suas ações na B3 em TEMPO REAL? Inscreva-se no TradeMap!

Na quarta-feira (06), as ações do setor já haviam subido por conta da valorização da commodity metálica, mesmo num pregão marcado pelo mau humor generalizado, diante do risco de recessão global.

A preocupação foi parcialmente compensada pela mensagem da ata do Fed (Federal Reserve, o banco central dos Estados Unidos), que foi enfático ao afirmar que seu objetivo é conter a inflação, mesmo que às custas de crescimento, mas não chegou a mencionar o risco de recessão.

Leia também:
Ibovespa vira após ata do Fed e fecha em alta de 0,43%; Via lidera os ganhos

Nesta quinta, o minério de ferro já subiu quase 4% em Dalian, a 756,50 iuanes por tonelada, ou US$ 112,86, na esteira de um possível pacote de incentivo à infraestrutura anunciado pelo governo chinês. no valor de US$ 220 bilhões.

Por volta de 12h30, os papéis de Vale (VALE3), Gerdau (GGBR4), Metalúrgica Gerdau (GOAU4) e Usiminas (USIM5) subiam 3,21%, 5,27%, 3,91% e 3,23%, respectivamente, ajudando na alta da ordem de 2% da Bolsa brasileira.

Para o analista Pedro Galdi, da Mirae Asset, embora tenhamos observado certa valorização dos preços das commodities, o cenário ainda é o mesmo, com o risco de recessão no radar e nova onda de Covid na China.

“Temos um dia de ajuste técnico, tanto para preços de ações como para preços de commodities. A tendência de curto prazo ainda é de grande volatilidade. Se a recessão realmente for confirmada para 2023, esse sentimento de aversão a risco ainda pode se estender por mais tempo”, afirmou.

Compartilhe: