Navegue:
Ministros da Opep+ decidem manter cortes na produção de petróleo até abril

Ministros da Opep+ decidem manter cortes na produção de petróleo até abril

Na reunião, o grupo decidiu manter a redução na produção atual de petróleo bruto até o mês de abril

Petróleo, Unsplash
Por:

Compartilhe:

Por:

A 14ª Reunião de Ministros da Organização dos Países Exportadores de Petróleo e seus aliados (Opep+) ocorreu por meio de videoconferência nesta quinta-feira, 4, sob a presidência da Federação Russa. Na reunião, o grupo decidiu manter a redução na produção atual de petróleo bruto até o mês de abril.  

A Arábia Saudita, que estava pressionando insistentemente por uma maior restrição na fabricação, saiu vitoriosa hoje. O país foi amplamente elogiado pelos Ministros por sua liderança e abordagem flexiva e preventiva.  

Com o anúncio, os preços internacionais do petróleo foram impulsionados, uma vez que o mercado estava esperando que a reunião acordasse uma elevação da oferta, não com a sua limitação voluntária.  

As principais consequências dessa limitação na produção são a elevação dos custos energéticos e a possibilidade de inflação (em um momento que predispunha uma melhora no mercado, visto que a vacinação em massa permitiria um aumento na atividade econômica, que estava estagnada devido à pandemia causada pelo covid-19).  

O encontro reconheceu esse avanço, mas alertou todos os países participantes para que continuassem vigilantes e flexíveis, diante de tais condições incertas.  

As próximas reuniões dos Ministros da Opep+ estão agendadas para 31 de março e 1 de abril de 2021, respectivamente. 

Foto: Unsplash

 

Compartilhe: