Navegue:
Projeto de lei limita juros do cheque especial em 30% ao ano até dezembro

Projeto de lei limita juros do cheque especial em 30% ao ano até dezembro

O objetivo é reduzir o custo do crédito durante a pandemia do Covid-19

cheque especial
Por:

Compartilhe:

Por:

Tramita na Câmara dos Deputados um projeto de lei (nº 2519/20), que tem por objetivo reduzir os juros do cheque especial cobrados por instituições financeiras, até o dia 31 de dezembro de 2021, a um máximo de 30% ao ano.  

O cheque especial é uma das linhas de crédito mais populares entre os brasileiros. Trata-se de uma linha de crédito pré-aprovado que o banco disponibiliza ao correntista, ainda que sem solicitação, que permite a efetuação de pagamentos ou transferências mesmo sem saldo positivo em conta corrente.  

De acordo com a proposta, os juros cobrados deverão variar conforme os valores utilizados pelo cliente, sendo de 20% ao ano para valores de até R$ 10 mil e de 20% a 30% em caso de valores maiores.  

Atualmente, a taxa média de juros do cheque especial é de mais de 150% ao ano, conforme citado pelos autores.  

A justificativa que ampara o projeto aponta que o objetivo é reduzir o custo da modalidade de crédito que vem sendo uma das únicas alternativas de auxílio econômico para os brasileiros em meio ao contexto pandêmico causado pelo Covid-19.  

O projeto será analisado pelas comissões de Finanças e Tributação e de Constituição e Justiça e de Cidadania e, em seguida, votado pelo Plenário. 

Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Compartilhe:

Compartilhe: