Vale tem prejuízo de US$ 1,56 bilhão no último trimestre de 2019

Equipe TradeMap

Equipe TradeMap

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp

A Vale encerrou o quarto trimestre de 2019 com prejuízo de US$ 1,56 bilhão, revertendo o lucro líquido de US$ 3,7856 bilhões reportado no mesmo período de 2018. Segundo a mineradora, o resultado foi influenciado pela tragédia de Brumadinho.

Já no acumulado de 2019, a mineradora registrou prejuízo de US$ 1,683 bilhão, contra um lucro de US$ 6,860 bilhões no ano de 2018.

De acordo com a Vale, o prejuízo foi provocado, principalmente, pela provisões e despesas de reparação relacionadas ao rompimento da barragem de Brumadinho:





  • Provisões e despesas de reparação do rompimento da Barragem I, incluindo a descaracterização de barragens (R$ 10,3 bilhões) e provisões e despesas incorridas (R$ 18,5 bilhões)
  • Provisões relacionadas à Fundação Renova (R$ 2,0 bilhões)
  • Descaracterização da barragem de Germano (R$ 1,0 bilhão)
  • Baixa contábil nas operações de níquel na Vale Nova Caledônia, devido a problemas de produção e processamento (R$ 10,3 bilhões)
  • Baixa contábil nas operações da mina de Moatizes, em Moçambique (R$ 6,9 bilhões)

A receita operacional foi de US$ 9,964 bilhões nos três últimos meses de 2019, o que representa um leve avanço de 1,5% sobre o mesmo período do ano retrasado.

Ibovespa

Às 10h35, os papéis ordinários da companhia caíam 3,45% e lideravam as maiores baixas do pregão desta sexta-feira, 21. Acompanhe a cotação em tempo real com o TradeMap.

Vale, às 10h35, no TradeMap
Vale, às 10h35, no TradeMap
Veja mais!

Pelo TradeMap Premium é possível analisar os dados financeiros e de mercado de qualquer companhia listada na bolsa de valores (incluindo ativos americanos). Acesse o Portal TradeMap, clique uma vez no papel e estude os indicadores!

Foto: Ricardo Teles

Leia também:   A partir de maio, vencimento de opções na B3 terá nova metodologia

Tags:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp