Resultados trimestrais da Petrobras, Vale e outras companhias

Sérgio Moraes - Reuters
Petrobras (PETR3; PETR4)

A Petrobras registrou lucro líquido de R$ 9,087 bilhões no terceiro trimestre deste ano, o que representa um crescimento de 36,8% em relação ao 3T18 – quando teve lucro de R$ 6,644 bilhões.

No comparativo com o trimestre anterior, a petroleira teve um desempenho negativo de 52% no lucro, mas a diferença ocorreu devido a venda da TAG, o que aumentou consideravelmente os números da companhia.

O resultado ficou acima do esperado por projeções da Bloomberg, que apontava um lucro de 8,410 bilhões de reais.

A Petrobras também anunciou a distribuição remunerada antecipada aos acionistas sob forma de Juros sobre Capital Próprio (JCP) no valor total bruto de R$ 2,608 bilhões. O montante equivale a R$ 0,20 por papel ordinário e preferencial. O pagamento será realizado em 7 de fevereiro de 2020.

Vale (VALE3)

A Vale teve um lucro líquido no 3T19 de US$ 1,654 bilhão, um aumento de 17,5% em comparação ao terceiro trimestre de 2018. A companhia reverteu o prejuízo de US$ 133 milhões registrado no trimestre anterior.

A receita operacional líquida atingiu R$ 10,217 bilhões, enquanto no terceiro trimestre do ano passado a Vale havia registrado R$ 9,543 bilhões.

Usiminas (USIM5)

A Usiminas registrou um prejuízo líquido de R$ 138,98 milhões no 3T19. Dessa forma, a companhia reverte o lucro líquido de R$ 171 milhões do trimestre anterior.

A receita líquida somou R$ 3,85 bilhões, uma estabilidade no comparativo do terceiro trimestre de 2018 e alta de 4% frente ao 2T19.

Ambev (ABEV3)

A Ambev operou seu lucro líquido de R$ 2,498 bilhões no 3T19, queda de 11,6% em relação ao 3T18, que havia reportado R$ 2,824 bi.

O lucro líquido ajustado também enfrentou queda neste trimestre. No comparativo com o mesmo período do ano passado, a companhia teve um resultado 15,8% inferior, de R$ 2,441.

Renner (LREN3)

A varejista Renner reportou lucro líquido de R$ 189,3 milhões neste trimestre, o que representa uma queda de 2,6% frente ao número somado do mesmo período de 2018.

No entanto, a receita líquida da Renner registrou R$ 1,931 bilhão, uma expansão de 12,9 pontos percentuais.

Fleury (FLRY3)

A companhia laboratorial Fleury apontou alta de 4,9% em seu lucro líquido, de R$ 94,8 milhões, referente ao resultado do terceiro trimestre de 2019. A receita somou R$ 755,7 milhões, um avanço de 10,6%.

O resultado veio de acordo com estimativas, segundo o Bradesco BBI.

Grendene (GRND3)

A Grendene reportou lucro líquido de R$ 166,8 milhões no terceiro trimestre de 2019, um valor 48,4% acima do mesmo período de 2018, quando havia somado R$ 112,4 milhões.

No entanto, a receita líquida da Grendene sofreu queda de 2,8% em relação ao 3T18, fechando em R$ 582,2 milhões.

Foto: Sérgio Moraes/Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp