PIB dos EUA cresce 2,1% no terceiro trimestre; China não altera juros

Bandeiras da China e EUA

O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos cresceu à taxa anualizada de 2,1% no terceiro trimestre de 2019, segundo os dados divulgados na manhã desta sexta-feira pelo Departamento do Comércio norte-americano.

Em relação ao primeiro trimestre deste ano, o PIB norte-americano teve uma alta de 2%, conforme o escritório de estatísticas econômicas do país (BEA).

O crescimento entre julho e setembro de 2019 está atrelado às contribuições positivas dos gastos privados, gastos do governo federal, investimentos residenciais, exportações e custos dos governos estaduais e locais.

Por outro lado, existem contribuições negativas de investimentos fixos não residenciais e aplicações para inventário privado.

China

Na China, o Banco do Povo (PPoC, o banco central chinês) decidiu manter no mesmo patamar as taxas de juros de referência para empréstimos de curto e longo prazos em dezembro. A tarifa permanece em 4,15%.

Já a taxa de empréstimos de cinco anos ou com vencimentos mais prolongados continua no mesmo nível de 4,80%.

Mais um passo…

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, escreveu em seu Twitter que teve uma conversa positiva com o chefe de Estado da China, Xi Jinping, sobre o acordo comercial entre as duas maiores economias do mundo.

“Tive uma conversa muito boa com o presidente Xi, da China, sobre nosso gigantesco acordo comercial”, disse Trump na rede social. “A China já iniciou compras em larga escala de produtos agrícolas e mais. A assinatura formal está sendo organizada. Também conversamos sobre a Coreia do Norte, no que estamos trabalhando com a China, e Hong Kong (progresso!).”

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp