Ser Educacional tem captação recorde de 53,1 mil alunos no 3º trimestre; ações disparam

Número representou avanço de 29,4% em relação ao mesmo período de 2020

ser educacional divulgacao

Foto: Ser Educação/Divulgação

Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

A Ser Educacional (SEER3) atingiu o recorde histórico de 53,1 mil alunos captados no terceiro trimestre deste ano, que representa um avanço de 29,4% em relação ao mesmo período de 2020. Os dados são de prévia operacional divulgada nesta quinta-feira, 07. 

Do total, 43,3 mil captações são alunos de graduação  dos quais 25,2 mil do modelo digital e 24,1 mil da graduação híbrida –, um avanço de 31,8% em comparação ao terceiro trimestre de 2020, quando houve o ingresso de 37,4 mil alunos de graduação. 

De acordo com a empresa, apenas a captação no modelo híbrido, que também mostrou crescimento da ordem de 32% no trimestre, se deu por conta do avanço da vacinação contra a Covid-19, pela introdução de formatos de distribuição e canais comerciais e pela normalização do calendário de matrículas para alunos do Prouni e Fies. 

Os 3,8 mil alunos restantes são de pós-graduação, cuja captação registrou um aumento de 2,7% na base anual. 

Com o desempenho entre julho e setembro, a base total de alunos da Ser chegou a 240 mil estudantes, alta de 31,9% em relação aos 181,9 mil alunos de igual período de 2020. 

Se analisados somente os estudantes de ensino digital, o número atingiu o patamar recorde de 103,5 mil alunos, expansão de 102,7% ante o ano passado. 

A taxa de evasão da graduação híbrida apresentou uma redução de 4,4 pontos percentuais, ao passar de 17%, no terceiro trimestre de 2020, para os atuais 12,5%, retornando ao patamar pré-pandemia.  

Na graduação digital, a taxa chegou a um patamar recorde de 8,9%, ante os 18,7% do mesmo período do ano passado.  

Para a companhia, a melhoria das taxas é consequência do arrefecimento dos efeitos da pandemia e de seus impacto na vida dos alunos, da implantação de um plano de pagamento de mensalidades via cartão de crédito e de novas funcionalidades para controle de presença online de alunos e rematrícula. 

Com a divulgação dos números, as empresas do setor educacional sobem em bloco no pregão desta quinta-feira, 07. 

Por volta das 15h20, os papéis da Ser Educacional (SEER3) registravam alta de 7,76%, negociados a R$ 12,22. Apesar da valorização nesta sessão, em um ano, os ativos ainda acumulam baixa de 16,40%. 

No mesmo horário, as ações da Yduqs (YDUQ3) disparavam 10,24%, negociadas a R$ 25,72, figurando entre as maiores altas do Ibovespa.  

Os ativos da Cogna (COGN3) subiam 4,32%, cotados a R$ 2,90, enquanto os papéis da Ânima tinham valorização de 6,96%, a R$ 9,07. 

Leia também:   Com ajustes de provisões, lucro da Eletrobras (ELET6) cai 66% no 3º trimestre

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

BLACK

WEEK

tag
Dias
Horas
Min.
Seg.