Pedidos de seguro-desemprego nos EUA caem 249 mil na semana, para 1,186 milhão

USA, foto de Reuters
Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

Os pedidos iniciais de auxílio-desemprego nos Estados Unidos somaram 1,186 milhão na semana passada, o que representa uma redução de 249 mil solicitações na comparação com a semana imediatamente anterior. Os dados foram divulgados nesta quinta-feira, 6, pelo Departamento do Trabalho do país.

Com isso, o resultado veio melhor do que a projeção de economistas ouvidos pelo The Wall Street Journal, que esperavam 1,423 milhão de pedidos no período reportado.

Já as solicitações contínuas, ou seja, os pedidos que correspondem aos norte-americanos que contam com o benefício por duas semanas seguidas, caíram 844 mil, para um total de 16,1 milhões.

De acordo com o jornal Valor Econômico, o número de novos pedidos na semana encerrada em 1 de agosto é menor desde 14 de março, quando a pandemia de covid-19 começou a afetar a economia dos EUA.

Por outro lado, os números continuam muito acima dos níveis anteriores da pandemia. Antes da crise financeira marcada pelo coronavírus, o recorde era de 695 mil solicitações, em 1982.

Foto: Reuters

Leia também:   Aprovação da PEC dos Precatórios pode trazer rali adicional para ativos brasileiros

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

BLACK

WEEK

tag
Dias
Horas
Min.
Seg.