Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA somam 38,6 milhões

Bandeira EUA, foto de Bloomberg

O número de americanos que solicitaram o auxílio-desemprego atingiu 2,43 milhões na semana encerrada no dia 16 de maio, informou o Departamento do Trabalho nesta quinta-feira, 21. Foi o menor aumento semanal registrado até agora, apesar de manter níveis elevados.

Com isso, o resultado veio em linha com as expectativas de economistas consultados pelo The Wall Street Journal. Na semana anterior, o número de pedidos ao benefício foi de 2,68 milhões (dado revisado).

O departamento aponta que a economia dos EUA perdeu 20,5 milhões de empregos em abril, a queda mais acentuada desde a Grande Depressão na década de 1930.

Dessa forma, o total de pedidos ao seguro-desemprego nas nove semanas de isolamento social provocado pela pandemia de covid-19 atingiu 38,6 milhões.

Enquanto isso, os pedidos contínuos, que mostram o número de americanos que recebem ajuda após uma semana inicial de apoio, aumentou para um novo recorde de 25,07 milhões na semana finalizada em 9 de maio, ante 22,54 milhões na semana anterior.

Foto: Bloomberg

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp

Assine a nossa Newsletter!