Lojas Americanas levanta R$ 7,9 bilhões em oferta subsequente

Lojas Americanas, foto de Sergio Moraes - Reuters

A Lojas Americanas definiu o preço de R$ 34,50 para cada papel preferencial em sua oferta subsequente (follow on), enquanto a ação ordinária foi definida em R$ 29,78 cada. Devido à alta demanda, o lote adicional também foi ofertado ao mercado, fazendo com que a companhia captasse R$ 7,9 bilhões.

→ Leia também: Lojas Americanas anuncia oferta subsequente de ações

O grupo brasileiro 3G aportou cerca de R$ 1,85 bilhão, conforme duas fontes disseram ao jornal Valor Econômico. Elas afirmaram que os controladores já tinham manifestado interesse desde o início da oferta da Americanas.

De acordo com a empresa, os recursos levantados na oferta serão utilizados para capitalizar a B2W, dona de sites de comércio eletrônico, além de investimentos na AME Digital e otimização da estrutura de capital.

Segundo a Lojas Americanas, um aumento de capital por subscrição privada de até R$ 3 bilhões na B2W está sendo estudado. Contudo, ainda não há uma definição concreta sobre a operação.

A oferta foi coordenada pelo BTG Pactual, Bank of America, Itaú BBA, Bradesco BBI, Santander Brasil, Safra, Goldman Sachs e Morgan Stanley.

Ibovespa

Às 10h30, os papéis preferenciais e ordinários da Lojas Americanas (LAME4; LAME3) subiam 0,52% e 0,97%, respectivamente, no pregão desta quarta-feira, 15.

Foto: Sergio Moraes/Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp