EUA: votação do pacote de estímulos pode atrasar na Câmara, diz New York Times

Joshua Roberts/Reuters

A votação do pacote de estímulos de US$ 2 trilhões à economia dos Estados Unidos como medida aos efeitos da pandemia de coronavírus, já aprovado no Senado, pode atrasar na Câmara dos Deputados.

→ Leia também: Senado dos EUA aprova pacote de US$ 2 trilhões para aliviar impactos do Covid-19 na economia

De acordo com o jornal The New York Times, ao menos dois deputados – um republicano e outro democrata – querem que a votação seja presencial e respeite o quórum mínimo de 216 parlamentares exigido para a aprovação de leis.

A presidente da Câmara dos Deputados, Nancy Pelosi, já havia combinados com outras lideranças que a votação poderia ser virtual.

Pelo Twitter, o presidente dos EUA, Donald Trump, criticou a postura do deputado republicano, Thomas Massie. “Ele não pode parar (a votação), apenas atrasá-la, o que é perigoso e caro. Trabalhadores e pequenas empresas precisam de dinheiro agora para sobreviver. O vírus não é culpa deles”, escreveu.

Foto: Joshua Roberts/Reuters

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp