Caixa Econômica encerra 2020 com lucro de R$ 13,1 bilhões, recuo de 37,5%

Já o lucro contábil consolidado do 4º trimestre foi de R$ 5,671 bilhões, alta de 15,8%

Caixa | Marcelo Camargo da Agência Brasil
Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

A Caixa Econômica Federal apresentou um lucro contábil consolidado de R$ 5,671 bilhões no quarto trimestre de 2020, o que representa um crescimento de 15,8% em relação ao mesmo período de 2019. Já no acumulado de 2020, o banco teve um lucro de R$ 13,169 bilhões, cifra 37,5% inferior na comparação anual.

Enquanto isso, a margem financeira da Caixa foi de R$ 10,58 bilhões no último trimestre do ano passado, aumento de 10,8% frente ao 3º trimestre de 2020 e queda de 4,5% em 2020.

A carteira de crédito ampla da estatal chegou à casa dos R$ 787,4 bilhões em dezembro de 2020, avanço de 13,5% sobre o mesmo intervalo do ano anterior, com uma participação de mercado de 19,4%, influenciado principalmente pelo crescimento de 9,8% em habitação, 7,7% em saneamento e infraestrutura, 10,5% em crédito comercial pessoa física, 83,7% em crédito comercial pessoal jurídica e 43% no rural.

Leia também:   “Ainda ágil e inovadora, mas agora madura”: BB Investimentos inicia cobertura dos ativos da XP (XPBR31)

No 4º trimestre, foram concedidos R$ 112,6 bilhões em crédito para a população brasileira, aumento de 10% em 12 meses. Segundo o banco, o resultado foi uma consequência do crescimento de 29,8% em consignado, 17,2% em habitação, 60,5% em crédito rural e 58,0% em crédito para pessoa jurídica, principalmente nas linhas de micro e pequena empresa.

Por sua vez, as provisões para devedores duvidosos somaram R$ 2,63 bilhões na análise trimestral, aumento de 63,9% ante o mesmo período de 2019. A inadimplência ficou em 1,73% em dezembro, de 1,87% em setembro e 2,17% em dezembro de 2019.

Já as receitas de tarifas e prestação de serviços totalizaram R$ 6,205 bilhões nos últimos três meses de 2020, valor 9,4% a menos sobre o 4º trimestre de 2019. As despesas administrativas chegaram ao patamar de R$ 10,04 bilhões, expansão de 14,2% na mesma base comparativa.

Leia também:   Banco Inter (BIDI11) formaliza aquisição de fintech americana Pronto Money

O retorno sobre o patrimônio (ROE, na sigla em inglês) ficou em 15,18%, frente a marca de 26,13% no mesmo intervalo de 2019. Já o Índice de Basileia atingiu 17,62%, de 18,96% na mesma linha de comparação.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

BLACK

WEEK

tag
Dias
Horas
Min.
Seg.

Não vá ainda...
Olha só o que tá rolando!

Popup Banner Black Week 3 1