Bitcoin bate novo recorde histórico e supera R$ 360 mil

A alta na cotação da moeda acontece um dia antes da principal plataforma de criptos, Coinbase, estrear na Nasdaq

andre francois mckenzie JrjhtBJ pGU unsplash
Logo Trademap

Por:

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Por:

O preço do Bitcoin atingiu um novo recorde histórico de cotação na manhã desta terça-feira, 13. O valor de negociação da criptomoeda está em US$ 63 mil, um aumento de 114% em seu valor desde o início deste ano.

Aqui no Brasil, a criptomoeda acompanha o ritmo de recordes e já é negociada acima dos R$ 360 mil, também pela primeira vez na história.



A cotação em níveis históricos acontece um dia antes da Coinbase, maior plataforma de negociação de criptomoedas, estreiar na Nasdaq.

Com a abertura de capital marcada para amanhã, 14, a rede de televisão americana CNBC, estima que o valor de mercado da corretora chegue a US$ 100 bilhões.

Leia também:   Comissão especial volta a adiar votação da PEC dos precatórios

Para muitos investidores de criptos, trata-se de um marco importante para a moeda. Demonstra um maior interesse do mercado que pode ser decisivo para o avanço das moedas digitais.



Grandes nomes do mercado financeiro, como JP Morgan e BlackRock possuem fundos especializados em criptoativos. Por aqui, XP, BTG e Easyinvest são exemplos de corretoras que também oferecem aos seus clientes esses fundos.

Avanço das criptos

Em março, a plataforma de pagamentos online Paypal liberou pagamentos com criptomoedas para usuários americanos. O serviço “Checkout with Crypto” permite pagamentos com bitcoin (BTC), ether (ETH), litecoin (LTC) e bitcoin cash (BCH).

Foi em março, que o preço da criptomoeda passou dos US$ 60 mil pela primeira vez. Em fevereiro, estava na casa dos US$ 50 mil.

Leia também:   Em véspera de feriado, Ibovespa recua 0,58%; ata do Fomc e inflação nos EUA e na China estão no radar na semana

Em entrevista à Reuters, o CEO do Paypal, Dan Schulman, afirmou ser o primeiro passo para a moeda se tornar mais uma forma de pagamento, como é um cartão de crédito ou débito dentro da carteira do PayPal.

“Achamos que é um ponto de transição onde as criptomoedas deixam de ser predominantemente uma classe de ativos que você compra, mantém ou vende, para se tornar uma fonte de financiamento legítima para fazer transações”, afirmou.

Ontem, 12, a empresa americana de software MicroStrategy, anunciou que seu Conselho de Administração será pago em Bitcoin. Ao longo dos últimos meses, a companhia comprou 90.531 bitcoins, que valem, atualmente, cerca de US$ 5,5 bilhões.

Leia também:   Pessimismo com fiscal domina a cena e leva Ibovespa a cair mais de 2%; VALE3 recua 3,8% em meio à queda do minério

Bitcoin é a “melhor moeda já inventada”, disse Michael Saylor, CEO da MicroStrategy, em uma entrevista ao The Block.

Foto: André François McKenzie/ Unsplash

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp

Compartilhe:

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Baixe o App Footer Post
Baixe o App Footer Post 0003 Carteira

Carteira consolidada

Baixe o App Footer Post 0002 historico de Dividendos

Histórico de dividendos

Baixe o App Footer Post 0001 Acompanhamento

Acompanhamento em tempo real

Baixe o App Footer Post 0000 IBOV

Comparação com IBOV, CDI, Dólar e mais