Navegue:
Recado da Petrobras, IPCA e o que mais você precisa saber para investir bem hoje

Recado da Petrobras, IPCA e o que mais você precisa saber para investir bem hoje

Investidores ainda acompanham decisão sobre juros do Banco Central Europeu

Gráfico de ações

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

Em nota publicada na noite desta quarta-feira (9), dois dias após o governo propor um pacote para conter a inflação dos combustíveis, a Petrobras (PETR3, PETR4) indicou que os preços do diesel devem continuar subindo e que pode haver escassez de suprimento em meio ao consumo maior esperado para o segundo semestre.

No texto, a empresa afirma que “não há fundamentos que indiquem a melhora do balanço global e o recuo estrutural das cotações internacionais de referência para o óleo diesel”. A estatal diz que o atual cenário global é de escassez e lembra que o Brasil é deficitário na produção do combustível. “Poderá haver maior impacto nos preços e no suprimento”, afirma a nota.

O posicionamento acontece em um momento em que o governo discute no Congresso uma PEC (Proposta de Emenda à Constituição) para ressarcir os Estados que zerarem o ICMS do diesel e do gás de cozinha até o final de 2022, medida que custaria até R$ 50 bilhões aos cofres públicos em ano eleitoral.

Saiba mais:
Compensação por ICMS zerado pode iniciar batalha judicial à la Lei Kandir, diz diretor da IFI

Inflação

Na agenda do dia, o principal dado é o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) de maio, que será divulgados nesta quinta-feira (9) às 9h.

A expectativa é de uma desaceleração importante da inflação, cujo ritmo de alta deve cair de 1,06% em abril para pouco mais da metade disso (0,6%, de acordo com analistas ouvidos pela Reuters).

O número é divulgado a uma semana da reunião do Copom (Comitê de Política Monetária do Banco Central), que na semana que vem deve elevar a taxa básica de juros, a Selic, hoje em 12,75% ao ano, e indicar se encerra o ciclo de aperto monetário.

⇨ Aproveite o mercado cripto antes que seja tarde no curso gratuito Desmistificando criptos, nft e Metaverso!

BCE e bolsas internacionais

O mercado ainda acompanha com atenção a decisão sobre juros do Banco Central Europeu, que informa às 8h45 sua decisão de política monetária para a Zona do Euro.

Após a divulgação de um novo índice de inflação recorde no mês passado, a expectativa é que a instituição indique o início do aumento da taxa básica do bloco já na próxima reunião, e os investidores estarão de olho nas declarações da presidente do BCE, Christine Lagarde, logo após o anúncio da decisão.

O EuroStoxx 50 opera em queda na manhã desta quinta, recuando 0,30% por volta das 8h10. Já os índices futuros americanos operam no azul após cair na véspera, com o Dow Jones subindo 0,48%, o S&P 500 em alta de 0,55% e o Nasdaq com ganhos de 0,61%.

 

 

Compartilhe:

Compartilhe: