Navegue:
Itaúsa (ITSA4) vende mais uma parte da fatia na XP e engorda resultado do 2º trimestre

Itaúsa (ITSA4) vende mais uma parte da fatia na XP e engorda resultado do 2º trimestre

Itaúsa vendeu 7 milhões de ações da XP e deve registrar ganho de R$ 300 milhões com a operação nos resultados do segundo trimestre

tela de celular com logotipo da XP Investimentos

Foto: Diego Thomazini / Shutterstock.com

Por:

Compartilhe:

Por:

A Itaúsa (ITSA4) vendeu mais uma parcela da participação que detém na corretora XP, numa operação que deve somar R$ 300 milhões aos resultados da holding referentes ao segundo trimestre.

Em comunicado divulgado nesta quarta-feira (5), a Itaúsa disse que vendeu 7 milhões de ações da XP por R$ 665 milhões. A parcela equivale a 1,26% do capital da corretora sem levar em conta os papéis mantidos em tesouraria.

Após a operação, a Itaúsa ainda terá em carteira cerca de 57,5 milhões da XP, ou o equivalente a 10,31% do capital companhia.

“A alienação decorre da decisão estratégica da companhia de reduzir sua participação na XP, conforme divulgado anteriormente, por não se tratar de ativo estratégico, bem como da necessidade de caixa da holding para fazer frente ao recente investimento anunciado na CCR”, disse a Itaúsa no documento.

Veja mais:
De bolso cheio, Itaúsa (ITSA4) entra em novo território com oferta à CCR (CCRO3); veja análise

Esta não é a primeira vez em que a Itaúsa vende ações da XP. A holding já havia feito operações semelhantes em dezembro do ano passado e em março deste ano. Nas duas ocasiões, porém, o preço do papel estava perto de US$ 30. Agora, estão valendo quase a metade – cerca de US$ 18.

Por volta das 10h25, as ações da Itaúsa subiam 0,48%, para R$ 8,30. Os BDRs da XP (XPBR31), por sua vez, caíam 1,82%,  a R$ 98,96.

Compartilhe:

Compartilhe: