Navegue:
Com mercado na Rússia, WEG (WEG3) deve atravessar guerra sem sustos, avaliam analistas

Com mercado na Rússia, WEG (WEG3) deve atravessar guerra sem sustos, avaliam analistas

Participação da empresa na Rússia é pequena: apenas 0,3% do lucro do ano completo de 2021 teve origem em vendas para o país

O resultado divulgado pela Weg (WEGE3) na manhã da última quarta-feira (20) acendeu um alerta aos investidores.

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

A WEG (WEGE3) — empresa que  atua no setor de bens de capital, com soluções em máquinas elétricas, automação e tintas — é uma das companhias brasileiras com mais presença no exterior.

No ano passado, por exemplo, a empresa vendeu para 135 países, incluindo a Rússia, que tem sido alvo de severas sanções econômicas internacionais desde que deu início a uma guerra contra a Ucrânia, com quem faz fronteira.

A companhia, contudo, deve atravessar essa crise na Europa sem sustos, avaliam analistas ouvidos pela Agência TradeMap. O principal motivo é que a subsidiária da WEG no mercado russo, chamada de WRU, tem uma participação pequena no lucro da companhia, de apenas 0,3% em 2021.

Devido ao início da guerra na Ucrânia e às sanções econômicas anunciadas contra a Rússia, várias empresas anunciaram a suspensão ou o fim dos negócios em território russo. A WEG, seguindo a mesma linha, suspendeu suas atividades no país, até o fim do conflito e das sanções internacionais. 

“A WEG apoia todos os movimentos que pregam a paz e buscam soluções pacíficas para o conflito”, disse a empresa, em nota enviada no dia 2 de março ao jornal Folha de São Paulo.

Para Heloise Sanchez, analista da Terra Investimentos, ao assumir tal postura, WEG preferiu se manter como uma empresa que é referência no ESG (sigla em inglês para “environmental, social and governance”, ou seja, práticas ambientais, sociais e de governança corporativa) em diversos índices e carteiras, abrindo mão de parte pouco relevante para o seu negócio dentro do mercado externo.

Por isso, considero o impacto irrelevante na empresa”, afirma a analista.

Segundo o balanço do quarto trimestre da empresa, principal mercado consumidor em 2021, é claro, foi o Brasil, com 46% das receitas, seguido por América do Norte com 23%, Europa 14%, América do Sul 7%, Ásia com 6% e África com 4%. 

Histórico no país

A WEG começou com seus negócios na Rússia em 2008 na cidade de Nizhny Novgorov, focada na comercialização, distribuição e assistência técnica de produtos e sistemas. De lá para cá, os negócios se expandiram também para a Sibéria e para os países vizinhos que antes formavam a União Soviética.

No ano de 2021, a WEG registrou um lucro líquido total de R$ 3,58 bilhões, enquanto sua controlada russa apresentou um resultado positivo de R$ 11,5 milhões.

“O número não é muito relevante quando comparado com as demais controladas em outros países como México, Estados Unidos e alguns países da Europa”, comenta Heloise Sanchez.

No quarto trimestre de 2021, por exemplo, o mercado externo que mais consumiu foi o da América do Norte, que gerou uma receita de US$ 653 milhões para a empresa no período.

Fonte: Weg
Fonte: Weg

Ações na Bolsa

Em relatório que analisa os impactos do conflito na Ucrânia para empresas brasileiras, a XP Investimentos afirma que vê os papéis da WEG como defensivos, ou seja, que apresentam um grau de variação de cotação menor que o conjunto do mercado no momento, apesar de uma possível redução da demanda causada pela inflação.

Segundo o estrategista-chefe da corretora, Fernando Ferreira, que assina o relatório, a empresa se beneficia da desvalorização do real, dado o “perfil exportador de receita e o descasamento de receitas, com seus custos e passivos dolarizados”.

Desde que o conflito se iniciou, os papéis da WEG têm apresentado valorização no Ibovespa. No dia 24 de fevereiro, data em que a Rússia invadiu a Ucrânia, as ações da empresa eram avaliadas em R$ 27,74 no início do pregão. Atualmente, segundo fechamento de quint-feira (9), cada papel vale R$ 32,67, um crescimento de 14,35%.

Compartilhe:

Compartilhe: