Navegue:
Banco Inter deve movimentar R$ 5,5 bilhões em follow on restrito

Banco Inter deve movimentar R$ 5,5 bilhões em follow on restrito

Como previsto, Stone será investidor âncora e tem prioridade na compra de 4,99% do capital social do banco digital.

Banco Inter - Crédito: Charles Silva Duarte
Por:

Compartilhe:

Por:

O Banco Inter (BIDI11) informou na manhã desta terça-feira, 15, que as novas ações da sua oferta subsequente (follow on) sairão por R$ 57,84 a unit, ou por R$ 19,28 a ação unitária. Com isso, a operação deve movimentar R$ 5,5 bilhões com a venda de 142,63 milhões de papéis mais o lote adicional.

De acordo com o fato relevante desta terça-feira, 15, a oferta conta com 71.508.802 ações ordinárias e 71.126.052 ações preferenciais, sem detalhes do lote adicional e do suplementar. A divulgação do volume final da oferta está prevista para 24 de junho.

Como já havia sido divulgado anteriormente, o follow-on tem a Stone como investidor âncora, com o compromisso de subscrever ações ordinárias e/ou units correspondentes à participação acionária de até 4,99% do capital social total do Inter, limitado a um valor do investimento de R$ 2,5 bilhões.

Para isso, a controladora do banco, Inter Holding Financeira, que tem Rubens Menin e João Vitor Menin como acionistas, vai ceder seu direito de prioridade na oferta para a Stone.

O Inter também destaca em documento que além dos atuais acionistas e da Stone, a oferta será voltada somente para grandes investidores tanto no Brasil quanto no exterior. 

Pelo cronograma, as novas ações e Units começam a ser negociadas na B3 no dia 28 de junho, com data de liquidação um dia depois.

A oferta será coordenada pelo BTG Pactual, Itaú BBA, Bradesco BBI, BTG Pactual, JPMorgan e UBS.

Compartilhe:

Compartilhe: