Navegue:
Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caem para 269 mil na semana finalizada em 30 de outubro

Pedidos de auxílio-desemprego nos EUA caem para 269 mil na semana finalizada em 30 de outubro

Economistas ouvidos pela Reuters previam 275 mil solicitações no período

EUA Unsplash

Foto: Unsplash

Por:

Compartilhe:

Por:

O número de pedidos iniciais de seguro-desemprego nos Estados Unidos somou 269 mil na semana encerrada em 30 de outubro, queda de 14 mil solicitações frente ao nível revisado da semana imediatamente anterior. Os dados foram divulgados na manhã desta quinta-feira, 4, pelo Departamento do Trabalho do país.

Segundo o órgão americano, essa é a menor taxa registrada em uma semana desde 14 de março de 2020, quando houve 256 mil pedidos. Economistas ouvidos pela Reuters previam 275 mil solicitações no período em análise.

O nível da semana finalizada em 23 de outubro foi revisado para cima em 2 mil, de 281 mil para 283 mil pedidos iniciais.

Já a média móvel de quatro semanas foi de 284.750, o que representa uma diminuição de 15 mil solicitações em relação à média revisada da semana anterior. Essa também é a taxa mais baixa desde 14 de março do ano passado, quando era de 225,5 mil.

Enquanto isso, o número de pedidos contínuos de auxílio-desemprego (quando as pessoas recebem o benefício por duas ou mais semanas) foi de 2,105 milhões na semana encerrada em 23 de outubro, redução de 134 mil em comparação à leitura passada, que foi revisada de 2,243 milhões para 2,239 milhões. Vale lembrar que este indicador é divulgado com uma semana de atraso.

Compartilhe:

Compartilhe: