Navegue:
Duratex muda nome para Dexco e comunica plano de investimento

Duratex muda nome para Dexco e comunica plano de investimento

A partir de 19 de agosto, a fabricante de louças e metais terá o nome trocado na Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, e as ações serão negociadas sob o ticker DXCO3

Duratex foto divulgação
Por:

Compartilhe:

Por:

A Duratex informou na quinta-feira (15) à noite que o seu conselho de administração aprovou a mudança de nome da empresa para Dexco.

Dessa forma, a partir de 19 de agosto, a fabricante de louças e metais terá o nome trocado na Bolsa de Valores de São Paulo, a B3, e as ações serão negociadas sob o ticker DXCO3.

“Este movimento faz parte de uma jornada de transformação iniciada há alguns anos e simboliza um novo ciclo de crescimento estratégico da companhia, que visa alavancar a vantagem competitiva e possibilitar a expansão em novos negócios. Com a Dexco e a promessa da nova marca de Viver Ambientes, a companhia também dá um passo importante na aproximação com seus clientes e consumidores”, destacou a Duratex.

Segundo o comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a alteração ainda precisa ser aprovada pelos acionistas em uma assembleia geral extraordinária, que será realizada no dia 18 de agosto.

Além disso, a empresa também anunciou seu plano de investimentos adicionais para os próximos três anos, no valor aproximado de R$ 2,5 bilhões em diversos projetos.

Na divisão Madeira, a Duratex disse que investirá cerca de R$ 500 milhões e que focará na estratégia de se tornar mais competitiva em custos.

Enquanto isso, na divisão Deca, a companhia irá aplicar mais de R$ 1,1 bilhão, dos quais cerca de R$ 600 milhões serão investidos na expansão das unidades de metais, proporcionando um aumento de 35% de sua capacidade de produção.

Em Revestimentos Cerâmicos serão investidos aproximadamente R$ 620,0 milhões, sendo R$ 600,0 milhões destinados à construção de uma nova unidade fabril na cidade de Botucatu (SP).

Foto: Divulgação

Compartilhe:

Compartilhe: