Votação da Reforma da Previdência

O plenário da Câmara dos Deputados vota hoje, 10, o texto para a reforma da Previdência, que planeja criar novas regras de aposentadoria. Caso entre em vigor, as mulheres passarão a ter direito ao benefício a partir dos 62 anos e os homens com 65.

Para que ocorra, de fato, a mudança na Constituição, serão necessários, no mínimo, 308 votos do total de 531 parlamentares em dois turnos, o que representa três quintos.

Foi aprovada

atualizado em 11 de julho

A Câmara dos Deputados aprovou ontem (10), em primeiro turno, o texto-base da reforma da Previdência. A decisão ficou acima do esperado, com 379 votos a favor e 131 contra. No entanto, para que seja concluída a votação, os parlamentares devem analisar emendas e destaques apresentados pelos partidos, como aponta o portal de notícias G1.

Além da alteração de idade mínima para a aposentadoria, também será estabelecido o tempo médio de contribuição previdenciária. Para as mulheres passará a ser de 15 anos, já para os homens o período será de, no mínimo, 20 anos.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, fez um discurso em defesa da reforma: “As soluções dos problemas da pobreza, dos problemas dos brasileiros que vivem abaixo da linha da pobreza, dos problemas de milhões de desempregados passam pela política. E não haverá investimento privado, mesmo com reforma tributária, mesmo com reforma previdenciária, se nós não tivermos uma democracia forte. Investidor de longo prazo não investe em país que ataca as instituições.”

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp