Pão de Açúcar e Drogasil fecham parceria para criação de uma empresa de fidelidade

Fachada do Pão de Açúcar

O Grupo Pão de Açúcar (PCAR4) e a Raia Drogasil (RADL3) firmaram um acordo para a criação de uma joint venture voltada a operar no mercado de programa de fidelidade. A expectativa é que a nova companhia, chamada de Stix Fidelidade, comece a atuar no segundo semestre do próximo ano.

De acordo com o comunicado ao mercado emitido pelo GPA, além da parceria com a rede de farmácias, outros segmentos vão integrar tal coalizão, “de modo a oferecer uma maior gama de produtos e benefícios”.

“Dada a relevância dos parceiros nos segmentos em que atuam e a robusta base de clientes, temos nas mãos uma oportunidade única para oferecer aos nossos clientes uma experiência de valor excepcional, sem atrito e multicanal”, disse Peter Estermann, Diretor-Presidente do GPA, durante entrevista a jornalistas.

Entretanto, a sociedade entre o GPA e a RD ainda depende da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade). Em relação à composição acionária da Stix Fidelidade, o Pão de Açúcar ficará com 66,7% dos papéis, enquanto a Drogasil deterá 33,3%, com o conselho de administração formado por membros indicados pelos acionistas.

Segundo a nota, o Banco Itaú também será parceiro da nova empresa, mas no segmento estratégico de longo prazo.

O que é uma joint venture?

O termo joint venture quer dizer a união entre duas ou mais empresas, com o objetivo de realizar alguma atividade econômica em comum. A nova companhia pode ter um período de tempo determinado e visa, antes de tudo, a obtenção de lucro.

Bolsa de Valores

Os papéis do GPA e da Raia Drogasil registravam alta de 0,70% e 1,19%, respectivamente, em meio a um Ibovespa que opera próximo ao fechamento de ontem. Acompanhe a cotação em tempo real pelo TradeMap.

PCAR4 e RADL3, às 10h50, no TradeMap
PCAR4 e RADL3, às 10h50, no TradeMap
googleplay
appstore

Foto: Nacho Doce/Reuters