Pague Menos tem lucro de R$ 40,2 milhões no 3º tri

Pague Menos, foto divulgação

A rede de farmácias Pague Menos registrou um lucro líquido ajustado de R$ 40,2 milhões durante os meses de julho a setembro de 2020. Dessa forma, a companhia reverteu o prejuízo de R$ 9,2 milhões no mesmo período de 2019.

No acumulado dos nove primeiros meses deste ano, a rede de drogarias acumula alta de R$ 58,5 milhões.

Enquanto isso, a receita bruta da companhia foi de R$ 1,9 bilhão no 3T20, cifra 9,1% superior frente ao mesmo intervalo de tempo do ano passado. No acumulado do ano, a Pague Menos registra uma receita bruta de R$ 5,353 bilhões, crescimento de 6,1 pontos percentuais.

“No 3T20, apresentamos um crescimento robusto de 11% nas mesmas lojas, 9,8% nas lojas maduras e 13,4% na venda média mensal por loja”, destacou Mário Queirós, diretor-presidente da companhia.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) ajustado somou R$ 149,5 milhões no período analisado, alta de 22,1% frente há um ano. Nos nove primeiros meses de 2020, a rede de farmácias teve um Ebitda ajustado de R$ 414,5 milhões, cifra 19,4% maior se comparado ao mesmo tempo de 2019.

Bolsa de Valores

A Pague Menos realizou sua oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) na B3 no terceiro trimestre deste ano, mais especificamente em setembro. As ações foram precificadas a R$ 8,50, movimentando cerca de R$ 750 milhões.

No mês, os papéis da companhia apresentam queda de mais de 5%.

 

→ Para saber mais detalhes sobre a companhia, acesse o TradeMap Web e veja a Lâmina de Empresa da PGMN3.

Foto: Divulgação

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp