O que são ações?

As ações, ou papéis, retratam uma parcela do capital social de uma companhia. Quando o investidor – chamado também de acionista minoritário – as compra passa a ser sócio da empresa e participa dos lucros, assim como corre risco deste negócio.

Existem dois principais tipos de ações: as ordinárias (ON), que representam direitos de propriedade e lucros da empresa, e as preferenciais (PN), que caracterizam um grau diferenciado de direito de recebimento de dinheiro da companhia.

Mas qual é a diferença?

Os acionistas preferenciais, geralmente, possuem uma garantia de dividendo fixa, enquanto os investidores ordinaristas têm um ganho variável. E ainda quem investe em ações preferenciais conta com uma vantagem, já que, caso ocorra liquidação, são pagos antes de quem aplica em papéis ordinários.

No entanto, essas não são as únicas formas de ações. As empresas podem personalizar outras classes e, assim, permitir que determinado grupo de acionistas fique com o poder de voto. Essas categorias são, tradicionalmente, sufixadas com número terminado em 5, 6 e 7. Exemplo: ELET6 (Eletrobras PNB).

Há também as Units, que são ativos compostos por mais de uma classe de ação e vendidas em conjunto.

Escrever um comentário