Movida anuncia oferta subsequente de ações

Movida

A empresa de aluguel de veículo Movida (MOVI3) informou no dia 12, via fato relevante, que pretende fazer uma oferta pública de distribuição primária e secundária de, inicialmente, 48.500.000 ações ordinárias. De acordo com a Reuters, a companhia está em contato com assessores financeiros para definir a operação.

A Movida não revelou o valor da eventual operação, mas o Estadão divulgou na última sexta-feira que a oferta pode movimentar cerca de R$ 500 milhões.

Segundo o informe, a oferta consistirá na distribuição primária de 35.500.000 de ações emitidas pela própria companhia, mais a emissão secundária de 13 milhões de ativos ON da JSL, controladora de, atualmente, 70,1% da Movida. O procedimento de Bookbuilding começa hoje e vai até o dia 27 de julho.

O BTG Pactual será o coordenador líder, em conjunto com o Itaú BBA, J.P. Morgan, XP Investimentos, BB Investimentos, Bradesco BBI e do Banco Santander.

No último pregão, às 16h05, o anúncio fez com que as ações da Localiza, maior concorrente da Movida, caíssem 2,09%, a 42,21 reais.

O que é bookbuilding?

Bookbuilding é o processo em que o coordenador da oferta estuda e avalia, em conjunto com os investidores, como seria a demanda de seus ativos no mercado. Dessa forma, a empresa que pretende abrir capital deve saber qual a intenção de compra dos acionistas e chegar a um preço razoável para o IPO ou oferta secundária. Leia mais clicando aqui.

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp