Copasa apresenta lucro de R$ 240,5 milhões, alta de 24,4% no 3º trimestre

person rinsing their hands at the sink with water 1

A Copasa veio com resultado positivo neste terceiro trimestre, com crescimento de 6,1% em sua receita líquida quando comparado ao mesmo período de 2019.

Segundo a companhia, o número foi influenciado pelo reposicionamento tarifário médio de 8,38%, crescimento no número de economias (unidades consumidores) de água e de esgoto e alteração no patamar tarifário do esgotamento sanitário em 8 municípios.

Já o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) apresentou expansão de 14,7% no comparativo anual, para R$ 525,6 milhões. A margem Ebitda subiu 1,8 ponto percentual, saindo de 37,8% para 39%.

Enquanto isso, o lucro líquido no período em análise atingiu R$ 240,5 milhões, aumento de 24,4% ante o resultado do terceiro trimestre de 2019.

Dados consolidados Copasa
Fonte: TradeMap Web (dados da Refinitiv)

Outro fator positivo no período veio da redução de 22,4% em seu endividamento líquido, representando uma alavancagem financeira no trimestre de 1,2 vezes.

Além dos resultados, a Copasa anunciou ainda que aprovou o Programa de Investimentos para 2020, no montante de R$ 853,3 milhões.

No Programa de Investimentos projetado para o período de 2021 a 2024, a Copasa prevê aportes anuais de R$ 1,25 bilhão. Ainda no comunicado, a companhia aprovou JCP (juros sobre capital próprio) referente ao resultado do terceiro trimestre no valor de R$ 63,1 milhões. Essa distribuição equivale a 25% do lucro líquido ajustado.

Divida Bruta
Fonte: TradeMap

Outra notícia relevante para a companhia vem do desenrolar do novo marco regulatório do saneamento básico. Uma sessão do Congresso Nacional está prevista para amanhã para estudar os vetos do presidente.

Sancionada em julho, a nova lei do saneamento teve alguns artigos vetados pelo presidente Jair Bolsonaro, incluindo o mais polêmico, que permitia às concessionárias estatais renovarem por até 30 anos contratos existentes sem licitação com empresas municipais de água e esgoto.

Foto: Freepik

Compartilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no whatsapp