Navegue:
Para ampliar os investimentos, BRK Ambiental protocola pedido de IPO na CVM

Para ampliar os investimentos, BRK Ambiental protocola pedido de IPO na CVM

Desde o ano passado, havia rumores no mercado de a empresa pudesse abrir seu capital na Bolsa brasileira

Foto: Shutterstock

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

A BRK Ambiental, companhia de saneamento pertencente à Brookfield, protocolou um pedido de IPO (registro de oferta publica inicial de ações) junto à CVM (Comissão de Valores Mobiliários), de acordo com fato relevante publicado nesta segunda-feira (30).

No comunicado, a empresa disse que apresentou um pedido de conversão de registro de companhia de categoria “B” para a categoria “A” – o que a autorizaria a emitir ações -, além de protocolar pedidos para adesão ao Novo Mercado e de admissão das ações na B3.

Desde o ano passado, havia rumores no mercado de a BRK Ambiental pudesse abrir seu capital na Bolsa brasileira como forma de captar recursos para participar de leilões de saneamento que estão sendo realizados pelos governos estaduais.

Atualmente, a BRK Ambiental atua em 13 estados brasileiros, desde a região Sul até o Nordeste, com mais de 16 milhões de clientes.

Além da Brookfield, que detém 70% de ações da companhia, o FI-FGTS (Fundo de Investimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço), possui o restante 30% da empresa de saneamento.

Criado em 2007, o FI-FGTS é administrado pela Caixa Econômica Federal e tem seus recursos focados na concretização de projetos de infraestrutura no Brasil.

Compartilhe:

Tags:

Compartilhe: