Navegue:
Lucro da MRV (MRVE3) sobe 17,5% no 3º trimestre, para R$ 165 milhões; confira os principais indicadores

Lucro da MRV (MRVE3) sobe 17,5% no 3º trimestre, para R$ 165 milhões; confira os principais indicadores

Em termos ajustados, o lucro líquido da construtora foi de R$ 231 milhões no período

Foto de logo da MRV

Foto: MRV/Divulgação

Por:

Compartilhe:

Por:

A MRV Engenharia reportou lucro líquido de R$ 165 milhões no terceiro trimestre de 2021, valor superior em 17,5% aos R$ 141 milhões registrados no mesmo período do ano passado. Em comparação com o trimestre imediatamente anterior, quando a empresa apresentou lucro líquido de R$ 203 milhões, houve recuo de 18,6%.

Em termos ajustados, que desconsidera os impactos de equity swap e dos swaps IPCA e CDI, o lucro líquido da construtora foi de R$ 231 milhões, ou seja, crescimento de aproximadamente 65% e 14% em comparação as bases anual e trimestral, respectivamente.

A receita operacional líquida, por sua vez, foi de R$ 1,8 bilhão no trimestre em análise, alta de 1,1% frente ao montante de R$ 1,78 bilhão registrado entre julho e setembro do ano passado. No segundo trimestre deste ano, o indicador registrou R$ 1,816 bilhão, 0,9% a mais que os números do período em questão.

Enquanto isso, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês) foi de R$ 386 milhões, número 55% superior que o reportado no terceiro trimestre de 2020, quando havia somado R$ 249 milhões. Já a margem do indicador foi de 21,5%, o que representa um avanço de 7,4 pontos percentuais na comparação anual.

Em comparação com os meses de abril a junho, quando o indicador registrou R$ 296 milhões, o aumento foi de 30,4%.

A dívida líquida da companhia atingiu R$ 2,5 bilhões no mês de setembro. No mesmo período do ano passado, o valor era de R$ 1,9 bilhão. A alavancagem da companhia, medida pela relação dívida líquida por Ebitda, chegou a 2,09 vezes no final do trimestre analisado. Um ano antes, o valor era de 2,17 vezes.

Os papéis da MRV (MRVE3) fecharam em alta de 3,72% na sessão de ontem, 9, negociados a R$ 11,72. Em um ano, por outro lado, as ações acumulam queda de quase 40% na B3.

Acompanhe a cotação em tempo real e veja mais indicadores sobre a companhia no TradeMap

Compartilhe:

Tags:

Compartilhe: