Navegue:
Eve, da Embraer (EMBR3), receberá aporte de US$ 30 milhões da Acciona

Eve, da Embraer (EMBR3), receberá aporte de US$ 30 milhões da Acciona

Parceria entre Eve e Acciona prevê também desenvolvimento de infraestruturas para apoiar aeronaves elétricas

Eve

Foto: Divulgação / Embraer

Por:

Compartilhe:

Por:

A Eve, subsidiária da Embraer (EMBR3), assinou uma parceria estratégia que prevê um aporte de US$ 30 milhões da Acciona, empresa espanhola que desenvolve produtos voltados à redução do impacto ambiental de diversos negócios.

A parceria entre a Eve e a Acciona prevê também o desenvolvimento de vertiportos, contratos de compra de energia, além de soluções de carregamento de bateria e manuseio.

A Eve, que deve ter ações listadas nos Estados Unidos a partir do segundo trimestre, pretende desenvolver aeronaves elétricas de decolagem e pouso verticais (eVTOL) e possui 1.785 pedidos em carteira.

O mercado de mobilidade aérea urbana, onde a Eve atua, gira em torno de US$ 760 bilhões, segundo a Embraer. A empresa pediu em fevereiro à Anac (Agência Nacional de Aviação Civil) a certificação para as aeronaves eVTOL, preparando o caminho para as primeiras entregas destes veículos, que devem começar em 2026.

Além da Acciona e da Embraer, também figuram entre os sócios da Eve companhias aéreas como Republic Airways e SkyWest, empresas de leasing de aeronaves (Azorra e Falko), de financiamento (Bradesco BBI) e fornecedores de tecnologia (Rolls-Royce e Thales), além da BAE Systems, do setor de defesa.

Compartilhe:

Compartilhe: