Navegue:
CPFL (CPFE3) e Energisa (ENGI11) registram expansão no lucro do quarto trimestre

CPFL (CPFE3) e Energisa (ENGI11) registram expansão no lucro do quarto trimestre

Lucro líquido da Energia somou R$ 582,6 milhões no período, alta de 203,4%

A privatização da Eletrobras (ELET3) caminha para seus capítulos finais, com seu aumento de capital podendo ocorrer semana que vem.

Foto: Shutterstock

Por:

Compartilhe:

Por:

Duas relevantes companhias do setor de energia elétrica, a CPFL (CPFE3) e a Energisa (ENGI11) apresentaram expansão em seus resultados do quarto trimestre, assim como do acumulado de 2021.

Entre as duas, a Energisa foi a que mais se destacou, entregando crescimento de 203,4% no lucro líquido do quarto trimestre 2021, que somou R$ 582,6 milhões.

Nos 12 meses de 2021, os ganhos da empresa foram de R$ 3,068 bilhões, alta de 90,9%.

A receita operacional líquida da Energisa, por sua vez, subiu 23% na comparação entre trimestres, para R$ 6,857 bilhões; e 31,8% na comparação anual, para R$ 23,692 bilhões.

A variação do Ebitda também foi positiva tanto na base anual quanto na trimestral. No quarto trimestre, o indicador subiu 55,9%, para R$ 1,746 bilhão. Em 2021, o Ebitda foi de R$ 6,192 bilhões, expansão de 57,5%.

CPFL também apresenta crescimento

No caso da CPFL, o lucro líquido do quarto trimestre foi de R$ 1,331 bilhão, expansão de 34,5% na comparação com o mesmo período do ano anterior. No acumulado de 2021, o resultado da companhia somou R$ 4,854 bilhões, alta de 30,9%.

A receita operacional líquida também apresentou crescimento nas duas bases de comparação. No quarto trimestre de 2021, em relação ao mesmo período de 2020, a expansão foi de 17,7%, para R$ 10,919 bilhões. Nos 12 meses do ano passado o acumulado foi de R$ 39,210 bilhões, alta de 26,9%.

Finalmente, o Ebitda fechou o quarto trimestre de 2021 em R$ 2,544 bilhões, crescimento de 32,4%, e terminou o acumulado de 2021 em R$ 9,160 bilhões, alta de 35,1%.

Compartilhe: